Alto Vale
Foto: Claudinei da Silva/DAV

Reportagem:Helena Marquardt/DAV

Em breve o acesso a Laurentino pode ser facilitado e ficar mais seguro para motoristas e pedestres. Numa reunião com representantes da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade e diretoria da empresa Bovenau, a administração de Laurentino apresentou a intenção de construir uma rotatória na SC-350 na entrada da cidade. O próximo passo é a elaboração do projeto e liberação do valor para a execução da obra.

O prefeito, Marcelo Tadeo Rocha salienta que a rotatória beneficiaria todos os moradores, especialmente os que vivem no Ribeirão Basílio e os que trabalham na empresa Bovenau.

Para ele a estrutura é extremamente importante. “Seja para a Bovenau que é uma empresa que gera mais de 100 empregos e tem expectativa de gerar 300 e que tem muito movimento de caminhões e carretas que entram e saem ali e também para melhorar a entrada do Ribeirão Basílio que é uma localidade que tem muitas empresas. Entendemos que essa rotatória vem favorecer a todos que passam pela SC-350”, explicou.

Por enquanto foi realizada apenas a primeira reunião para discutir o assunto, mas a expectativa é de que o projeto tenha andamento o mais rápido possível, segundo o prefeito.

“Fizemos um esboço do que a gente gostaria e chamamos os representantes do Estado e agora vamos marcar uma reunião na Casa Civil que deve acontecer em breve”.

A rotatória deve melhorar a acessibilidade e impactar positivamente no recebimento de matéria prima e escoamento da produção industrial do município. Até o momento ainda não é possível dizer qual o investimento para a construção. “Temos que alinhar o projeto quantitativo e depois com os valores previstos vamos em busca de recursos, mas o deputado Jerry já sinalizou positivamente. Inclusive nossa intenção é fazer também um novo portal de acesso a Laurentino e tudo isso vai mudar o acesso a cidade”, completa.

A instalação é apoiada pela empresa Bovenau que é líder em fabricação de macacos hidráulicos e abastece com seus equipamentos, todos os caminhões 0km montados no Brasil. A indústria que se instalou recentemente em Laurentino vêm tendo crescimento acima do esperado e por isso deve expandir a produção e contratar ainda mais funcionários que serão beneficiados coma rotatória.