Alto Vale
Foto: Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

A Prefeitura de Trombudo Central anunciou nesta quarta-feira (18) que a sede do governo municipal terá novo endereço a partir de setembro. Isso porque o prédio construído na década de 60 passará por reformas e ampliações.

A mudança para o novo local está agendada para acontecer entre os dias 06 a 10 de setembro. O espaço alugado para 12 meses na rua Emilio Graubner, 142, bairro Vila Nova, está localizado em frente ao Fórum, possui várias salas o que facilita a readequação dos setores, há banheiros e acessibilidade e vai abrigar a estrutura administrativa e o setor de engenharia.

A Secretaria de Educação instalada na Prefeitura passará a atender na Secretaria de Cultura e a Assistência Social no CRAS. “Neste período da mudança não haverá atendimento interno e externo no setor de Administração, Finanças, Planejamento e Gabinete. São muitos detalhes como instalação de pontos de energia, telefone, internet e sistemas que precisam ser organizados. A ideia é deixar tudo pronto para dia 13 de setembro reabrir as portas no novo endereço. A mudança não impacta o andamento dos trabalhos na Agricultura, Saúde, Cultura, Esporte e Obras”, disse o secretário de Administração, Geziel Balcker.

Os recursos para reforma da Prefeitura são de economias realizadas pela gestão pública em 2020 e 2021. Serão investidos aproximadamente R$2 milhões de recursos próprios, valores já disponíveis em conta. Essa é a obra mais expressiva do programa Trombudo Central em Ação lançado em julho. Se tudo ocorrer dentro do previsto, o novo prédio que terá características germânicas, deve ser inaugurado no aniversário do município em 2022.

O projeto arquitetônico foi desenvolvido pelo Departamento de Planejamento da Prefeitura pelo engenheiro Wagner Dalpiaz com complementação da Amavi. O novo prédio terá acessibilidade com elevador e novos banheiros. A reforma prevê ainda a substituição da parte elétrica, piso, forro, ampliação de salas e novas divisões de espaços.

“Essa é uma das maiores necessidades da atualidade. O prédio foi construído em 1968 e nesse tempo só fomos readequando. Agora aguardamos o trâmite final da licitação”, comenta a prefeita, Geovana Gessner.