Alto Vale, Política
Foto: Alan Garcia/DAV

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Ao fazer um balanço do período de um ano em que comanda a prefeitura de Ituporanga, após o afastamento do prefeito eleito, o prefeito interino Gervásio Maciel (PP) diz que segue enfrentando uma série de dificuldades, mas está focado em fazer mudanças na administração da capital da cebola e já tem conseguido ótimos resultados.

Além dos problemas financeiros, que tiveram que ser administrados, o prefeito citou os prejuízos da cidade trazidos pela seca e agora pela pandemia, mas garante que está otimista. “Todos nós prefeitos, administradores estamos sofrendo, mas conseguimos manter sempre um dinheiro em caixa para levar um ou dois meses para ter mais tranquilidade, mas hoje posso dizer que a casa está em dia”.

Ele ressalta que desde que assumiu o Executivo fez uma reforma administrativa e com isso conseguiu organizar a máquina pública, o que foi revertido em benefícios a população através de obras que estão em andamento como a pavimentação de mais de 10 ruas. “Algumas com recursos estaduais ou federais, mas muito mais com a parceria dos proprietários”.
Maciel afirma que tem priorizado as áreas de Educação e Saúde fazendo investimentos acima do que a lei determina. “Mais de 25% em educação e mais de 15% em saúde. Já a folha de pagamento que comprometia mais de 58% da arrecadação conseguimos trazer para 48%, então fechamos muito bem o ano dentro da legislação”, ressalta.

Planos para o restante do mandato

Questionado sobre os planos para o restante do mandato o prefeito de Ituporanga afirma que ainda quer colocar em prática vários projetos. “Temos várias ações para serem executadas como as obras no Salto, as pavimentações de diversas ruas, sempre tentando cobrir todo o território municipal. Queremos atender ainda melhor os nossos agricultores que são a grande alavanca de Ituporanga”, disse.

Ele finaliza dizendo que espera terminar sua gestão com uma imagem diferente para a capital da cebola. “Queremos vender a boa imagem de Ituporanga para mostrar para a população do Alto Vale e Santa Catarina que Ituporanga é uma terra de gente honesta e trabalhadora, afinal esses são a maioria”, conclui.