Alto Vale

 

Nadine Kowaleski Ribeiro

Uma mudança no mapa do turismo de Santa Catarina deu ao Alto Vale uma visibilidade há muito tempo esperada. Dia 14 de abril do ano passado, o Ministério do Turismo divulgou e publicou no Diário Oficial da União a criação da nova região turística Caminhos do Alto Vale, que desmembrou 22 cidades que antes faziam parte do Vale Europeu e que agora passam a contar com uma marca própria.

Além de ser reconhecida como sua própria região turística, Caminhos do Alto Vale é também uma marca, iniciativa do Colegiado de Turismo da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (AMAVI), AMPE Alto Vale, Agenda Alto Vale e Agente Comunica para a divulgação e promoção dos potenciais turísticos do Alto Vale do Itajaí. Faz parte da iniciativa também o projeto “Expedições Caminhos do Alto Vale“, que tem como objetivo lançar desafios turísticos e uma aventura pelas belas paisagens da região.

A expedição está sendo realizada em parceria com o pessoal da “Associação de Expedição e Aventura” de Rio do Sul, que já tem bastante experiência na área de trilhas e trekking pela região. A primeira etapa do projeto aconteceu dia 9 de Abril, onde participantes da diversos lugares puderam conhecer o Morro do Bicudo, em Presidente Nereu. A segunda etapa acontece no próximo dia 28, e o destino agora é a Serra Mirador, em Presidente Getúlio, em um percurso de 17 km de belezas naturais.

De acordo com Jean Gilberto Caetano, gerente de conteúdo da marca, o projeto de expedições é uma forma de promover o desenvolvimento do turismo das cidades da nossa região. “Esse projeto é para que as pessoas daqui conheçam a própria cidade, a própria região, e também oportunizar as pessoas de fora a virem conhecer um ponto turístico, um atrativo natural, aqui no Alto Vale do Itajaí”, comenta Jean. Ele comenta que, além dos 80% dos visitantes locais da primeira expedição, eles também contaram com a inscrição de pessoas de Florianópolis, Jaraguá do Sul, Timbó e Blumenau.

Outro setor que também é recompensado pelas atividades turísticas é a área da Agricultura. Jean conta que os produtores rurais são um alvo que o Caminhos do Alto Vale busca desenvolver. “Na primeira etapa do projeto, em Presidente Nereu, o almoço foi na casa de um agricultor, que preparou uma comida deliciosa e atendeu a todos os participantes da trilha e acabou faturando também”.

Para mais informações e para participar da expedição à Serra Mirador, basta se inscrever aqui – até a próxima segunda-feira (15) as inscrições tem o valor promocional de R$50,00 e passa ao valor normal de R$75,00 após a promoção.


Conselho de Educação toma decisão polêmica em Rio do Sul

Fora do expediente, Sargento impede suicídio de jovem em Rio do Sul

Ação de apoio à mulher vem ao Alto Vale

Jovem de 14 anos é detido com posse de crack em Ituporanga