Estado

Durante os dias 19, 20 e 21 de maio foi realizado o evento de Certificação de Cães de Trabalho (Mantrailing) da Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC). O evento foi realizado no Centro de Adestramento Vale da Neblina, em Farroupilha (RS). Representando a Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), participaram do evento o soldado Edemar Luiz da Silva e o cão Thor, que atuam na 4ª Companhia do 2º Batalhão de Polícia Militar/Fronteira, em Xanxerê. Thor passa a ser o primeiro cão brasileiro a receber certificação Mantrailing nível 2.

Durante o evento, o cão da PMSC foi submetido a provas de certificação Mantrailing de nível 1 e 2, obtendo um rendimento superior a 90% nas duas modalidades e testes, o que garantiu a ele o título de primeiro cão brasileiro a conquistar os dois níveis de certificação. Tal conquista confirma e chancela Thor como um verdadeiro cão multifuncional. “Thor é um cão diferenciado, pois não é utilizado apenas para duplo emprego, mas sim para múltiplos empregos, estando apto a realizar trabalhos de guarda, patrulhamento urbano, buscas de armas, buscas de entorpecentes, além de buscas e resgate de desaparecidos”, explicou o soldado Edemar.

Segundo Janott Coelho, responsável pela “Cão Funcional”, da CBKC, Thor é o primeiro cão no Brasil a obter a certificação em quatro modalidades diferentes de cão de trabalho, garantia absoluta de que ele verdadeiramente é um cão multifuncional.

O evento contou com a participação de cães de diversas regiões do país, e também da Argentina e do Uruguai. Anexo à certificação, ocorreu também um seminário de Mantrailing, ministrado pela mestre Ana Beatriz Mincarelli Albernaz, que também foi juíza das provas realizadas, e pelo capitão Leonardo Conne, da Polícia do Uruguai.


Homem é preso por agredir a mulher e ameaçar filho em Rio do Sul

Até ontem, Rio do Sul tinha 96 pessoas em abrigos

Alto Vale mantém alerta de cheia

Inicia amanhã a Festa do Leite em Presidente Getúlio