Cidade

Há pelo menos duas semanas de portas abertas a casa do empreendedor já vem atingindo resultados positivos e oportunizando para aqueles que têm interesses em abrir o próprio negócio, diferentes capacitações. O secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo José Fiamoncini, explica que os cursos serão de curta duração e com horário diferenciado para que a comunidade possa participar.

Paulo destaca que é uma oportunidade para quem está começando seu negócio aprender lições para ter maior sucesso em seu empreendimento ou até mesmo, uma chance de reciclagem aos empresários que já atuam na cidade.

“A reciclagem e a busca por melhorias é fundamental para prosperarmos nos negócios. E este apoio do Sebrae vai contribuir e muito com as novas empresas ou aquelas que já existem”, argumenta.

Os 10 cursos disponíveis até o fim do ano já tem data marcada e são atividades de consultoria, orientação e dicas para empreendedores. Os cursos serão oferecidos pelo Sebrae/SC, entidade parceira da prefeitura no planejamento e elaboração das metas da Casa do Empreendedor.

“São cursos gratuitos só que com vagas limitadas, é o nosso primeiro calendário a gente está recebendo sugestões para os novos cursos e alguns dos cursos que estão sendo ofertados é até por demandas de pessoas que procuraram a casa”, destacou.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Em relação à procura da Casa do Empreendedor Paulo destaca que muitas pessoas já procuraram pelos serviços oferecidos.

“Já passaram aproximadamente 100 pessoas, a procura está sendo bastante positiva, estamos atendendo todas as classes que estão nos procurando, pessoas que já tem sua empresa e nos procuram pra tirar dúvidas e esse é nosso foco também”, destacou.

Paulo explica ainda que a participação das pessoas que estão pensando em abrir o próprio negócio é fundamental.

“É muito bem vindo, à gente indica os cursos iniciais, é muito importante para quando o novo empresário abrir seu negócio, assim ele já terá uma bagagem de conhecimento, vai ser mais assertivo na hora de abrir uma empresa”, pontua.

Tatiana Hoeltgebaum

Veja também as últimas notícias: