Alto Vale

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Com lotação máxima dos leitos para covid, o Hospital Bom Jesus em Ituporanga (HBJ) passa por uma das situações mais delicadas de sua história. Nesta sexta-feira (4), cinco pacientes que tiveram sintomas mais graves da doença aguardavam no Pronto Socorro, entubados, por uma vaga de UTI em unidades de outras regiões. Devido a lotação, o atendimento segue parcial no Pronto Socorro.

O médico Daniel Ribas revelou nesta manhã que quatro pacientes entubados estavam na emergência, e a unidade se preparava para receber mais um paciente de Imbuia, também com covid, que estava sendo transferido no momento da entrevista e que precisaria de ventilação mecânica porque estava com insuficiência respiratória aguda. “Estamos em contato com a regulação, mas ainda não conseguimos encaminhar nenhum dos quatro. Estamos tentando transferir dois para Balneário Camboriú e um para Brusque e ainda nos resta mais um”, desabafou.

Ele declarou que no momento o hospital de Ituporanga não tem nenhuma condição de prestar atendimento normal no Pronto Socorro. Os pacientes entubados estão utilizando leitos de observação enquanto aguardam transferência para UTIs e o HBJ realiza atendimentos apenas de situações emergenciais. Casos de urgência precisam ser absorvidos pelas unidades de saúde municipais.

Hospital Regional  e Waldomiro Colautti também estão com 100% de lotação

No Hospital Regional de Rio do Sul, 100% dos leitos de UTI para covid também estão ocupados, e nesta manhã pelo menos um paciente aguardava uma vaga no pronto socorro. No HRAV duas pessoas morreram por complicações da doença nas últimas 24 horas.

Já no Hospital Dr. Waldomiro Colautti em Ibirama a situação não é diferente.  Tanto a UTI covid quanto UTI Geral estão lotadas nesTa sexta-feira. Segundo a direção, em vários dias a unidade também teve pacientes com sintomas graves de covid no pronto socorro aguardando transferência para outras cidades. Do dia 1º de novembro  até hoje,  o hospital atendeu 445 pacientes com suspeita da doença na sua emergência.