Alto Vale, Política

Reportagem: Gabriela Szenczuk

Em entrevista ao jornal Diário Do Alto Vale, o deputado estadual Jerry Comper (MDB), que tem base e histórico eleitoral em Ibirama, falou sobre o trabalho que vem desempenhando e disse que se considera um “elo” entre os municípios e o Governo Estadual e Federal. Ele também conversou sobre os recursos destinados à região, auxílio às lideranças, apoio oferecido aos municípios em época de pandemia e sobre as eleições municipais deste ano.
Jerry falou que os recursos e emendas impositivas recebidas dos governos federal e estadual foram todas destinados as 28 cidades da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (Amavi). O valor das emendas impositivas chega em média a R$ 10 milhões. “Estes recursos, nós, como deputados, temos um valor definido e, após analisar as necessidades de cada cidade, definimos para quais e quanto distribuir”, esclarece. Além disso, o deputado explica que os parlamentares têm o chamado Fundo Social, que é utilizado durante o tempo de mandato. “Neste um ano e meio de mandato, em Imbuia, por exemplo, investimos R$ 180 mil em uma retroescavadeira. Em Trombudo Central, houve um investimento no Corpo de Bombeiros no valor de R$ 350 mil. Em Aurora, R$ 200 mil foram destinados para aquisição de implementos agrícolas e Leoberto Leal também, com R$ 330 mil na compra de equipamentos agrícolas e em Vitor Meireles, investimos em uma casa mortuária”, conta.

O deputado falou, ainda, que todos os recursos recebidos de Brasília, do Governo Federal, e de Florianópolis, do Estadual, são discutidos entre ele, o deputado federal Rogério Mendonça (Peninha) e o executivo de cada cidade do Alto Vale para estudar as necessidades e prioridades de cada uma. “Nós levamos as demandas e necessidades dos prefeitos e vereadores para os governos em Brasília e na capital de Santa Catarina, e então proporcionamos os recursos para os municípios”, diz. Jerry ainda ressaltou os grupos os quais faz parte. “Nós somos membros da Comissão de Finanças e presidente da Comissão de Assuntos Municipais na Assembleia Legislativa, que trata dos 295 municípios do Estado e leva em consideração a necessidade da população”, diz.

Em relação ao balanço de um ano e quatro meses do mandato até agora, ele considera positivo levando em consideração os benefícios voltados aos municípios aos quais o partido representa. “Adquirimos a experiência, pela liberdade e facilidade que nos foi proporcionada para conquistarmos um espaço maior. Conseguimos aprender para, agora, então, no mandato, colocarmos o melhor em prática”, complementa. Um dos trabalhos realizados no tempo de mandato foi o de uma indicação. “Hoje os cidadãos de Santa Terezinha, Rio do Campo, Taió, Salete, Pouso Redondo e Mirim Doce que precisam de tratamento de radioterapia precisam ir até Blumenau para realizar o tratamento. Fizemos uma indicação que passou pelo plenário e agora vai para o governador analisar, para que estes pacientes possam se deslocar a Lages para facilitar, por conta do movimento da BR-470, que é um trajeto complicado”, conta.

A pandemia do coronavírus, segundo o deputado, é um momento nunca vivenciado. “Um momento atípico e preocupante.” De acordo com ele, desde o início da pandemia, foi criado um grupo com os 28 municípios da Amavi, independente da sigla partidária, onde ele se colocou à disposição. “Nossa intenção foi fazer um elo de ligação entre as necessidades na área da saúde, principalmente neste momento, entre os municípios da região e o governo estadual. Já fazíamos essa ponte anteriormente, com as emendas parlamentares destinadas à saúde, mas agora, reforçamos mais ainda”, ressalta.

Questionado sobre o planejamento para as eleições municipais Jerry confessa que é contra o pleito neste momento, em virtude do coronavírus e até mesmo das dificuldades trazidas pela estiagem, mas garantiu que já que as eleições serão mantidas, o comprometimento é o mesmo. “Eu e o deputado federal Peninha estaremos alinhados com todos os nossos pré-candidatos a prefeitos, vice e vereadores de cada município. Vamos buscar ajudar e fazer prefeituras para deixarmos a nossa marca nas cidades, pois somos deputados com as origens aqui da região”, explica.

Jerry ressaltou que o objetivo principal de um deputado é fazer leis, moções, indicações e fiscalizar o governo. “Somos uma ponte entre as cidades e os governos estadual e federal, levando as demandas de cada município aos governadores. Realizamos ações com o intuito de levar ao conhecimento do governo tudo que está acontecendo para que a gente possa beneficiar o povo”, finaliza.