Alto Vale
Foto: Cláudia Pletsch

Reportagem: Cláudia Pletsch/DAV

O Dia de Finados é uma das datas mais importantes para os católicos do Brasil . O 2 de novembro é reservado para lembrar com carinho dos entes queridos e muitas famílias visitam os cemitérios como sinal de respeito e amor e também para limpeza dos túmulos. Mas em 2020, por causa da pandemia, até esta tradição terá mudanças. Em muitos locais vai haver fiscalização para evitar aglomero e novas regras para a comercialização de flores.

É o caso de Rio do Sul onde a Guarda Municipal fará uma operação diferente no Cemitério Municipal para garantir o distanciamento social e a saúde de quem for até o local. O horário também será diferenciado. O local estará aberto todos os dias, inclusive no sábado e domingo das 6h30 às 19h.
O comandante da Guarda Municipal de Rio do Sul, Robson Ferreira, explica que por conta da pandemia nesse ano as mudanças foram necessárias. Uma das modificações é com relação as tendas de venda de flores e adereços que ficavam na entrada do cemitério e dessa vez serão instaladas na Avenida Oscar Barcelos. “Vamos sinalizar bem o local e essas tendas ficarão na extensão do estacionamento da Avenida Oscar Barcelos, dando mais espaço e evitando aglomeração no local. Então quem quiser comprar vai ter que se deslocar até as barracas que ficarão do mesmo lado do cemitério”, explica.

Para a entrada e saída do local haverá uma divisão na pista. Segundo o comandante essa medida também é uma forma de evitar aglomerações. Além disso ele explica que durante todo o dia a Guarda permanecerá no local das 6h até às 19h para orientar a população.

Data incentiva vendas no comércio

Apesar das novas exigências, é certo que o Dia de Finados também incentiva a venda de flores e arranjos no comércio local, e mesmo em meio a pandemia os familiares não deixaram de comprar, é o que garante o comerciante Aderval João Machado de Souza. Ele conta que nesse ano as vendas surpreenderam. “Realmente a procura de flores nesse ano surpreendeu. A gente achava que com a pandemia ela ia cair um pouco mas o povo não está esquecendo dos entes queridos. Nesse ano, em comparação aos anos anteriores, as vendas continuaram aquecidas e até diria que subiu um pouquinho”, avalia.

O comerciante fala também que além das flores, nessa data a venda de velas, vasos e arranjos cresce de forma considerável. “Agora já estamos finalizando a época de vendas pois uma boa parte da população já foi orar, pelo que falam aqui na loja muita gente já foi no cemitério”, ressalta.
No Brasil o crescimento no setor de venda de flores chega a passar dos 30% na data.

Prefeitura alerta para uso da água

A falta de chuva e o forte calor dos últimos dias já vem causando estiagem em todo o estado e no Alto Vale não é diferente, com a previsão negativa da Defesa Civil para os próximos meses a Prefeitura de Rio do Sul faz um, alerta para que a população economize água na limpeza dos túmulos.