Alto Vale, Estado

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) vai investir em obras de manutenção rodoviária em 23 pontes localizadas no estado de Santa Catarina. Os serviços nas Obras de Arte Especiais (OAEs) serão realizados no âmbito do Programa de Manutenção e Reabilitação de Estruturas (Proarte).

A reabilitação da ponte sobre o Rio Itajaí-Açu II, com 202 metros de comprimento, no km 113 da BR-470/SC, entre os municípios de Apiúna e Ibirama, está em processo licitatório. A abertura das propostas está prevista para o fim do mês de junho.
A licitação em andamento é feita na modalidade de Regime Diferenciado de Contratação (RDC) Integrada, para realização dos estudos, do projeto básico e executivo e das obras de reabilitação.

O anteprojeto prevê a execução de serviços de recuperação, de alargamento e de reforço estrutural da ponte. Com a ampliação para um dos lados da via, passará a ter 15,2 metros de largura. Atualmente, esta medida é de apenas 9,4 metros. Para que possa receber acostamentos, passeio, guarda-corpo e barreiras rígidas, uma nova linha de pilares precisará ser construída e a estrutura existente, reforçada.

O cronograma do empreendimento é de até seis meses para a elaboração dos estudos e projetos e mais nove meses para a execução das obras. Ainda em 2020, o governo federal deve investir R$ 1,6 milhão para os trabalhos iniciais na estrutura.

Outras OAEs – O DNIT deverá lançar em breve o edital para contratação de empresa especializada para a execução dos serviços de manutenção das outras 22 pontes, também na BR-470/SC. As estruturas estão localizadas entre o km 69,0 e o km 302,1. O orçamento para as obras é de R$ 4.967.096,50.

PROARTE
O programa é responsável pela promoção e gerenciamento de serviços de manutenção e de reabilitação de pontes, túneis, viadutos, passarelas e estruturas de contenção, integrantes da malha rodoviária federal e tecnicamente conhecidas como Obras de Arte Especiais.