Política

O prefeito de Dona Emma, Nerci Barp, e o presidente da Câmara de Vereadores de Dona Emma, Lauri Alves dos Santos, anunciaram hoje (3), algumas medidas adotadas pelos poderes Executivo e Legislativo em relação ao combate ao coronavírus, entre elas a redução de salários. O comunicado foi feito após uma reunião com diversos setores.

No Poder Executivo será reduzido em 25% o salário do prefeito e do vice-prefeito, além de 25% do valor das gratificações de todos os funcionários públicos. Também será reduzido em 10% o salário de todos os funcionários comissionados. O pagamento de  horas extras a funcionários públicos não será mais permitido, exceto na área da Saúde.

No Poder Legislativo serão reduzidos em 40% o salário dos vereadores. Também será realizada a devolução de recursos da Câmara no valor de R$ 60 mil reais aos cofres públicos a serem destinados a saúde para aquisição de testes a Covid-19, equipamentos de proteção aos funcionários da saúde, kits a serem distribuídos aos moradores mais vulneráveis ou com idade de risco, além de devolução mensal das sobras dos recursos da Câmara ao Poder Executivo, para aplicação na área da saúde.

Redução em Ibirama

Com a previsão de queda de arrecadação e dificuldades no cenário econômico nacional, o município de Ibirama instituiu, por meio de Decreto Municipal, a redução dos salários do prefeito e do vice-prefeito em 30%, de secretários municipais e assessores em 15% e de demais cargos comissionados, 10%, mesmo percentual de redução das gratificações. A medida deverá gerar uma economia de R$ 83.834,51 na folha de pagamento, recursos que serão alocados na área da saúde.

Atualmente o município possui 38 servidores em cargos de comissão, sendo 10 deles servidores do quadro de efetivos mas que possuem função comissionada. O Decreto é válido por dois meses e poderá ser prorrogado.