Cidade
Foto: Divulgação

Reportagem: Rafaela Correa/DAV

O mercado da tecnologia vem crescendo a cada dia e com ele a procura por profissionais capacitados também. Em Rio do Sul, duas empresas do setor anunciaram diversas vagas. A IPM, por exemplo, está a procura de 30 colaboradores, já a Magamobi está com 100 vagas disponíveis na empresa, a maior parte delas para o município.

Ambas as empresas trabalham com tecnologia embora os serviços oferecidos sejam diferentes. A IPM Sistemas conquistou neste ano a certificação Great Place To Work (GPTW), e está com as vagas abertas para jovens talentos, todas em Rio do Sul. A intenção é contratar integrantes para a equipe de atendimento ao cliente da empresa especializada em softwares de gestão em nuvem para a administração pública municipal.

De acordo com a coordenadora da empresa, Maiara Aparecida de Freitas, as oportunidades são para quem procura uma primeira experiência profissional. Ela explica que a empresa forma jovens talentos há mais de 20 anos. “Temos muitos colaboradores que iniciaram como estagiários e hoje ocupam cargos de liderança dentro da empresa”. Segundo Maiara, não é necessário ter experiência, já que o treinamento para a função será oferecido pela empresa. Os pré-requisitos necessários são apenas ter ou completar 18 anos em 2021 e estar cursando ensino técnico ou superior.

Os interessados em participar do processo seletivo, que ocorrerá entre os dias 1° e 2 de outubro, devem enviar currículo para rh.fabrica@ipm.com.br até o dia 30 de setembro. Os selecionados ingressam na IPM a partir do dia 13 de outubro.

Já a Magamobi é um grupo empresarial localizado no Alto Vale do Itajaí que tem foco em Inovação e Tecnologia, trabalha também na área de software, e-commerce, pagamentos, Marketing e investimentos. Desde o início do semestre, eles estão anunciando as vagas, inclusive em outdoors espalhados pela cidade.

O diretor de pessoas da empresa, Luan Fernando Pinheiro, afirma que há cerca de 100 vagas disponíveis, a maior parte delas para a cidade de Rio do Sul. “Temos uma demanda crescente de vagas, tanto para cargos que exigem experiência quanto para cargos que não exigem conhecimento técnico, nas áreas de zeladoria, suporte, comercial, desenvolvimento, recursos humanos e implantação”.

Luan ainda destaca que tem sido difícil preencher o quadro de pessoas. “O maior desafio é encontrar mão de obra qualificada e é por isso que resolvemos dar mais divulgação”, completa.