Esporte
Foto: Bryan Klug/DAV

O Cuiabá Esporte Clube conquista mais um capítulo na história do time: a vitória. A equipe da capital mato-grossense empatou em 2 a 2 (4 a 2 no agregado), com o Atlético do Acre, no Florestão, em Rio Branco, onde foi realizada a partida de volta das quartas de finais da Série C do Campeonato Brasileiro. Com o empate, o “Dourado” já garantiu uma vaga na segunda divisão em 2019. O treinador rio-sulense Itamar Schulle, esteve ontem (18), no Jornal Diário do Alto Vale e realizou uma entrevista exclusiva, já que está de férias em Rio do Sul. Itamar, conta que subir para a Série B, foi algo inédito para o clube.

“O time vinha brigando durante sete anos para não cair no campeonato, foi um ano de cobranças e expectativas. A Série C realmente foi um grande campeonato, primeiro veio a classificação antecipada, faltando quatro rodadas, depois veio o acesso, foi uma noite memorável contra o Atlético do Rio Branco, no Acre, foi especial e depois ainda chegamos na final e brigamos pelo título em casa, com 41 mil pessoas no estádio, realmente um feito histórico”, explica.

Quer receber as notícias no Whatsapp? Clique aqui

Itamar ainda conta que está satisfeito de estar à frente do Cuiabá.

“Foi um ano proveitoso, muito bom, porém com muitas lutas. A gente vinha com conquistas e a responsabilidade sempre aumentava. Conquistamos Novo Hamburgo na Copa, do Rio Grande do Sul, em 2015 vencemos o Campeonato Paranaense com o Operário à frente de Curitiba. E na sequência tivemos o título pelo Botafogo da Paraíba, superamos as expectativas, deixamos os torcedores felizes e agora esperamos manter nosso trabalho, para que possamos fazer um bom campeonato não só o local, mas também a Série B de 2019”.

Treinos para as próximas competições

Itamar ressalta que a preparação segue intensa para os jogadores.

“Já no início de dezembro e em janeiro, começa o campeonato local na cidade, em janeiro a Copa do Brasil e ao fim de abril chegamos na Série B, várias competições durante o ano, vários jogos. A equipe está motivada, temos um grupo de atletas determinados, profissionais, não só na conduta, mas também no trabalho do dia a dia. Foi criado um ambiente bom de trabalho e quando se tem um local assim, você tem o respeito, o carinho um com o outro e isso sem dúvida é essencial para fazer uma boa temporada”, explica.

Renovação do contrato para 2019

O treinador do Cuiabá revela também, que o contrato será renovado para o ano que vem.

“Tivemos uma conversa com o presidente e renovamos para mais um ano, um treinador não vive de resultado, hoje no Brasil é assim, o trabalho encontra em qualquer lugar, mas o resultado é primordial, uma responsabilidade a mais. Vamos voltar a brigar pelo título local e no mínimo manter a equipe na Série B e manter a base para que possamos continuar com o trabalho em campo tão bonito que nesse ano conquistamos, assim o público só terá a agradecer e vibrar com a gente em cada conquista”, finaliza.

Jéssica Sens

Veja também as últimas atualizações: