Cidade
Foto: Carolina Ignaczuk/DAV

Um ato de carinho. É assim que pode ser definida a ação que aconteceu nesta terça-feira (26) na Associação Renal Vida de Rio do Sul. Durante todo o dia de ontem, o recém-formado grupo Pedacinhos de Amor entregou aos pacientes da associação aproximadamente 180 “naninhas”. As almofadinhas são feitas pelas voluntárias do grupo e têm como objetivo espalhar mais amor para as pessoas.

De acordo com a representante do grupo Pedacinhos de Amor, Arlete Felizardo Paludo, o projeto consiste em proporcionar um pouco mais de alegria às pessoas que precisam. “Essa almofadinha em forma de bichinho é como se fosse um carinho a mais para ela ter, para ela abraçar. Dentro do pacotinho vai uma explicação da naninha, o significado do abraço, para a pessoa poder receber esse contato, esse carinho. Há pessoas que são tão sozinhas que conversam com essa naninha como se fosse um bichinho de estimação”, conta.

Segundo Arlete, o grupo existe há aproximadamente um mês e os encontros acontecem no bairro Budag, em Rio do Sul. São pelo menos 15 voluntárias envolvidas, sendo que 10 delas trabalham na confecção das naninhas. “Esse projeto é uma ideia que já está no Brasil todo. Eu comecei em Pouso Redondo há um tempo, mas agora a gente trouxe para Rio do Sul. É um projeto bem jovem”, ressalta a voluntária.

Para que possa confeccionar as almofadas e continuar espalhando carinho para quem precisa, o grupo depende de doações. Arlete explica que são necessários materiais como tecidos e fibra siliconada. Já a mão de obra é garantida pelas voluntárias. “As doações de tecido eu estou indo em busca em fábricas de camisetas”, declara. A voluntária ainda ressalta que quem quiser contribuir com a causa pode entrar em contato com ela através do telefone (47) 99745-5555.

Ações

Apesar de ser um projeto recente, o grupo Pedacinhos de Amor já realizou uma entrega de aproximadamente 50 naninhas em outra entidade. A ação aconteceu no último domingo (24), no Instituto Espírita do Amor, em Rio do Sul.

De acordo com Arlete, novos projetos já estão sendo elaborados pelo grupo. Um deles é a confecção de almofadas para o apoio do braço, que devem auxiliar no tratamento dos pacientes da Renal Vida. O outro envolve a confecção de almofadas com o formato de coração, que serão destinadas à Rede Feminina de Combate ao Câncer (RFCC) de Rio do Sul. “É um formato de coração diferente, que a gente está doando para as mulheres que tiveram câncer de mama. É um suporte que vai embaixo do braço”, conta a voluntária.

Carolina Ignaczuk