Alto Vale
Foto: Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Após diversas promessas políticas, o trecho da Rua Conselheiro Willy Hering, que faz a ligação entre Rio do Sul e Lontras e que desabou há cerca de um ano, não deve ser recuperado tão cedo. O Governo do Estado informou a prefeitura de Rio do Sul nesta quinta-feira (19) que não tem recursos para fazer a obra e que um novo pedido de verba deve ser realizado no ano que vem. Enquanto o conserto definitivo não sai do papel o Executivo estuda medidas paliativas para garantir mais mobilidade.

O secretário de Infraestrutura de Rio do Sul, Daniel Pasa, conta que a prefeitura encaminhou o pedido de recursos, de cerca de R$ 5,5 milhões ao Estado logo que o trecho apresentou problemas e o ofício foi respondido somente nesta semana. “Tínhamos feito um protocolo pedindo recursos junto a Secretaria de Estado da Infraestrutura e recebemos hoje a resposta negativa deles informando que não há orçamento para 2020 e pedindo para refazer o protocolo no ano que vem”, esclarece.

Mesmo sem os recursos do Estado ele revela que a prefeitura já estuda algumas alternativas para garantir mais mobilidade no trecho que conta atualmente com apenas uma pista e fluxo controlado por semáforos. “Também avaliamos a possibilidade de fazer a obra com recursos próprios, mas batemos na tecla de ser final de ano e de não termos esse valor disponível então estudamos outras alternativas. Queremos ver se conseguimos fazer um alargamento da via pelo acostamento para poder tirar a sinaleira. Sabemos que a pista ficará estreita, mas teria os dois sentidos liberados.”

A medida seria paliativa até que o Município tenha os recursos — para realizar a obra. “Na próxima semana devemos estar fazendo alguma intervenção ali no local porque hoje muitos motoristas não respeitam a sinalização. Eu mesmo já passei ali até a noite e tive que parar, voltar de ré porque os motoristas que vinham em outro sentido não respeitaram a sinaleira”, relata.

A via é uma importante ligação entre os municípios, evita a passagem pela BR-470 e teve a pista comprometida em aproximadamente 50 metros após desabamentos no dia 6 de novembro de 2019.
O projeto de R$ 5,5 milhões contemplaria o aterro da área que desabou , construção de um muro de gabião, drenagem e novo asfalto já que a parte danificada teria que ser removida e reconstruída.

Passagem chegou a ser interrompida no trecho

No começo de novembro do ano passado, a Defesa Civil de Rio do Sul interditou totalmente um trecho da rua Conselheiro Willy Hering, entre o bairro Bela Aliança e a cidade de Lontras. Um deslizamento de terra já havia obrigado o fechamento parcial da pista, mas a chuva agravou o problema.

Naquela ocasião, por questões de segurança, a recomendação foi de que a passagem de veículos, pedestres e ciclistas ficasse proibida enquanto o município discutiria com o Governo do Estado, uma alternativa de recuperação do local. Técnicos da Defesa Civil do município e do Estado estavam monitorando o local e uma vistoria foi realizada com presença de um geólogo, para avaliar a reabertura ou fechamento em definitivo.

A rua Conselheiro Willy Hering é uma via que liga Rio do Sul a Lontras e que serve como alternativa para acesso aos dois municípios sem passar pela BR-470.