Alto Vale
Foto: Divulgação

Garantir dignidade e realizar o sonho antigo de muitos moradores, esse foi o objetivo da Administração Municipal de José Boiteux ao iniciar os processos de regularização fundiária na cidade. Nesta semana aconteceu na Câmara de Vereadores o evento de entrega dos títulos de propriedade de 21 imóveis do município.

O ex-prefeito, Jonas Pudewell, destaca que o projeto é antigo e fará a diferença para as famílias beneficiadas. “Enquanto estive na Administração Municipal fiz o possível para deixar nosso município melhor. Uma das ações foi buscar a regularização fundiária em duas áreas. Esse processo iniciou em 2014 e passou por vários profissionais, a quem agradeço muito. Hoje parabenizo todos vocês que agora terão as escrituras em mãos”, salienta.

O prefeito, Adair Antônio Stollmeier, destaca que é um sonho que o município realiza. “Hoje parabenizo todos que aqui estão, pois cada família beneficiada realiza um sonho pessoal. É um sonho para todos nós que está sendo concretizado. Nosso muito obrigado a todos que trabalharam neste projeto e também as pessoas pela paciência, pois geralmente esse tipo de processo leva mais tempo para ser concluído”, comenta.

São 21 propriedades agora devidamente matriculadas conforme exige a legislação. O processo de regularização foi realizado através do Lar Legal, projeto do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. O programa facilitou a regularização fundiária, através de projetos que foram realizados por uma empresa especializada.

A empresa WS Regularização de Imóveis atuou na execução dos projetos e agora realiza a entrega dos títulos, como explica a Dra. Sabrina Ramos Wagner. “Esse foi um sonho realizado não só para os beneficiários, mas também para a empresa WS que assumiu os processos com todas as pendências e em pouco tempo já conseguimos finalizar. A contribuição da prefeitura municipal foi de extrema importância para essa concretização, sem a qual as entregas não seriam possíveis nesse momento”, lembra.

Também estiveram presentes na entrega o vice-prefeito Claudenir Sensi, a secretária de Assistência Social Cristiane Amarante, o procurador do Município Renato Becker e a vereadora Marília Bertelli.