Alto Vale, Segurança

A expectativa se confirmou e a chuva veio com grande intensidade no Alto Vale do Itajaí no dia de ontem (31). Diversas cidades apresentaram problemas como desmoronamentos, deslizamentos e alagamentos, obrigando a população e o Poder Público a realizar iniciativas de precaução para evitar maiores prejuízos e tragédias. Mesmo assim, os desastres se intensificaram na região. Confira abaixo as ocorrências desta quarta-feira que foram destaque nos municípios mais atingidos:

Agrolândia
Localidades do interior sofreram com enxurradas e ficaram com pontos isolados pela água no dia de ontem.

Ituporanga
Deslizamento de terra na SC-350 na divisa com Aurora, mas as duas pistas seguiram liberadas com orientação da Polícia Militar. Houve cancelamento do transporte escolar em algumas comunidades. O Município permanece em alerta devido ao volume do rio.

Lontras
As localidades de Cotias e Dona Paula, que dão acesso ao município de Presidente Nereu, foram tomadas pelas águas. Plantações e a estrada ficaram comprometidas. Em Ribeirão do Salto, a rua ficou completamente alagada.

Ibirama
No município, até ontem, não haviam sido registrados alagamentos mais graves, apenas desmoronamentos de terra e quedas de muros em residências, segundo informações da Prefeitura.

Aurora
Na tarde de ontem, a ponte do Ribeirão Stroy estava totalmente tomada pela água, impedindo o tráfego de veículos e pedestres. A Defesa Civil atendeu ocorrências durante todo o dia.

Laurentino
Segundo informações da Prefeitura, duas ruas da localidade de Margem Esquerda foram afetadas por deslizamentos de terra, uma delas com queda de poste, mas a situação já está controlada. A Estrada Velha, que dá acesso à cidade, ficou interditada por conta do alagamento.

Salete
Devido ao acumulado de chuvas nos últimos dias e a realização de uma obra de regularização às margens da SC-114 (Salete-Taió), nas proximidades da Igreja da comunidade de São Luiz, no Km 119, houve uma movimentação de massa que resultou em uma lâmina de água e lama sobre a pista.

Rio do Oeste
Algumas localidades do interior ficaram isoladas ontem, como a de Angico, por exemplo. As aulas foram suspensas na Escola de Educação Básica Vereador Alfredo Scottini, em Toca Grande.

Taió
Houve desde sábado seis desmoronamentos, muitos danos nas vias vicinais da cidade e alagamentos em alguns trechos. Segundo a Defesa Civil, por hora as ações se concentram em prevenção.