Esporte

gol do México contra a Alemanha, aos 35 minutos do 1º tempo, na tarde deste domingo (17), durante a Copa da Rússia, causou um terremoto “artificial” na Cidade do México, segundo informações do Instituto de Investigações Geológicas e Atmosféricas A.C., em seu perfil no Twitter.

Imagem do post do Instituto de Investigações Geológicas e Atmosféricas do México mostra o momento em que foi registrado o terremoto (Foto: Reprodução/Twitter)

Imagem do post do Instituto de Investigações Geológicas e Atmosféricas do México mostra o momento em que foi registrado o terremoto (Foto: Reprodução/Twitter)

Exatamente no momento do gol de Hirving Lozano, foi registrado o tremor de terra. O instituto ressaltou que o terremoto foi causado de “forma artificial”, possivelmente causado por “saltos massivos” durante o gol.

O Sismologia Chile, outro instituto que investiga tremores, confirmou em seu perfil o terremoto artificial gerado pelas comemorações dos torcedores. “Aparentemente devemos desativar alguns sensores para evitar que isso aconteça durante o mundial”, informou.

 

Lozano marcou o gol da primeira vitória da seleção mexicana em cima dos europeus em uma Copa do Mundo. Quem classificar deste grupo pode enfrentar o Brasil nas oitavas.

Com o resultado, a Alemanha figura mais no grupo de campeões da Copa anterior que não venceram na estreia da competição seguinte, como o fez em 1978, quando empatou com a Polônia. Em 2014 a Espanha perdeu da Holanda, em 2010 a Itália empatou com o Paraguai e, em 2002, a França perdeu para o Senegal.

View image on Twitter
Informações: G1