Cidade
Foto: Divulgação

Helena Marquardt/DAV

Um grupo de voluntárias de Rio do Sul quer deixar a Páscoa de crianças carentes mais doce e feliz. Elas organizam uma campanha de arrecadação de guloseimas, alimentos, roupas e brinquedos que serão doados no bairro Barragem, que concentra várias famílias em situação de vulnerabilidade.

A psicóloga Débora Martello Masiero, conta que o grupo de amigas, intitulado como Doe Amor, foi criado em abril do ano passado com o intuito de fazer a diferença na vida de algumas famílias. “Somos uma equipe unida que idealiza ajudar famílias carentes a terem acesso a cestas básicas, vestuário, fraldas descartáveis e outros itens arrecadados através de doações. Esse ano pensamos em fazer uma páscoa mais feliz para as crianças carentes da nossa cidade de Rio do Sul e para isso contamos com a ajuda da comunidade. Se cada pessoa puder ajudar com o mínimo, conseguiremos ajudar muitas crianças”, ressalta.

A voluntária comenta que a pandemia também agravou a situação de muitas famílias e nesta Páscoa a arrecadação é ainda mais importante, por isso além de guloseimas em geral elas pretendem conseguir leite, brinquedos e roupas. ”Sabemos que muitas famílias já passam por necessidades diárias em tempos normais e com a pandemia, as necessidades aumentaram e muitas crianças estão com poucos alimentos e outras com quase nada dentro de casa”.

Quem também quiser contribuir com o grupo que vai beneficiar crianças de um residencial do bairro Barragem pode fazer sua doação até o dia 26 de março. Depois disso as voluntárias vão fazer montagem dos kits e a entrega está marcada para os dias 27 e 28. Há pontos de coleta nas lojas Decisão Móveis e Ammora.

A voluntária Jéssica Testoni é outra envolvida na ação e comenta que foi convidada por uma amiga para integrar o grupo. Ela acredita que qualquer pessoa pode contribuir de alguma forma com o outro e praticar a solidariedade. “O que para um não serve mais e que para outra pessoa ainda possa ser utilizado, a gente arrecada e depois repassa a quem está precisando. Temos inclusive um grupo no whatsapp onde encaminhamos avisos das doações ou pedidos de ajuda e vamos tentando contribuir. Com a pandemia esse trabalho está um pouco mais difícil, mas sabemos que cada pequena atitude, por mais simples que seja, sempre ajuda”, diz.

Ajuda em outras situações

Além de datas comemorativas o grupo se organiza e arrecada doações em diversas outras situações como as enchentes. Com muita união as voluntárias mostram que é possível fazer a diferença na vida de outras pessoas com atitudes simples e nos momentos de maior necessidade. “Que nunca nos falte amor. Faça a sua doação, juntos vamos mais longe”, finaliza Débora”.