Cidade
Foto: Helena Marquardt

A Administração de Ituporanga iniciou neste mês as tratativas para a implantação dos serviços da Guarda Municipal na cidade. A possibilidade foi apresentada pelo comandante da Guarda Municipal de Rio do Sul, Robson Ferreira.

Em funcionamento por 13 anos, a ideia é que a Guarda Municipal de Rio do Sul, por meio de convênios, passe a atender os municípios que integram a região Metropolitana do Alto Vale do Itajaí que tiverem interesse em contar com esses serviços, como é o caso da cidade de Ituporanga.
Na Capital da Cebola, o trabalho da Guarda Municipal deverá ser realizado nos mesmos moldes do que acontece em Rio do Sul, com serviços e rondas ostensivas 24h.

De acordo com o diretor do Departamento de Trânsito de Ituporanga Amaury Herbst, a expectativa é iniciar os trabalhos com pelo menos seis profissionais. “Como é guarda armada, eles podem auxiliar na fiscalização do trânsito como também no atendimento de ocorrências. Serviço que também deve ser de 24h e que vai ampliar a segurança no nosso município e dar efetividade a outras questões, como a fiscalização da área azul, que deve voltar a ser implantada em Ituporanga”, explicou.

Para expandir as atividades, a Guarda municipal de Rio do Sul, precisa finalizar a última fase do concurso que está em andamento para o aumento de efetivo. A expectativa é que esse processo finalize em um prazo de cinco a seis meses, viabilizando a contratação e o inicio das atividades em Ituporanga.