Alto Vale
Foto: Divulgação

Reportagem: Rafaela Correa/DAV

A chapa pura do MDB, Marcelo Rocha e Agenor Avi eleita em março deste ano em eleição suplementar, foi mantida para concorrer às eleições 2020, em Laurentino. A decisão foi tomada através de votação na última semana e ele obteve 100% de aprovação por parte dos membros filiados do diretório. O candidato disse que embora já tenha feito muito pela população, a cidade precisa de mais e por isso resolveu colocar seu nome e à disposição novamente.

Marcelo conta que a princípio a convenção aconteceria de forma virtual, mas a Justiça Eleitoral liberou a reunião com protocolos de segurança e dessa forma eles conseguiram a presença de cerca de 90% do diretório para participar da votação. “Conseguimos praticamente 90% da presença dos membros do diretório que são filiados ao MDB, para fazer a votação e a votação foi de aclamação. Os que estavam lá aceitaram a gente concorrer com essa chapa, foi tranquilo, uma condução natural, ninguém impôs nada, simplesmente os nossos filiados entenderam que a chapa deve continuar”, destaca.

Questionado sobre as necessidades da cidade e o que as pessoas esperam do futuro gestor, Marcelo diz que é preciso pensar no crescimento do município “Acho que o que precisa é um olhar voltado ao crescimento e nós com a nossa juventude, com a nossa força, com o nosso dinamismo estamos conseguindo colocar essa marca para atender cada vez melhor a população do nosso município”, afirma. Para Marcelo, os laurentinenses estão acostumados com a sua forma de conduzir a administração. “A gente acredita muito que a população aceitou esse nosso jeito de administrar, que é uma maneira mais voltada de fato aos anseios da população. Estamos constantemente em contato com os nossos munícipes, conversando com as pessoas, ouvindo o que elas querem, passamos nos postos de saúde, visitamos os agricultores e nesse ponto conseguimos agradar e muito a nossa população, porém temos muito a fazer ainda, por isso precisamos de mais quatro anos”, ressalta.

Ele diz ainda que é preciso trabalhar na reurbanização do centro e que se eleito já tem planos para o mandato e pretende investir nessa área. “Se nós formos eleitos continuaremos trabalhando na reurbanização da cidade, queremos reurbanizar as praças que nós temos, fazer uma ciclovia, para que as pessoas possam pedalar com mais segurança, investir na iluminação para deixar mais bonita, aconchegante e segura também”, disse. Segundo o candidato, algumas demandas são urgentes e precisam ser atendidas. “Acreditamos muito que é preciso deixar o centro da cidade todo calçado, não podemos mais admitir que no centro da cidade tenhamos ruas de estrada de barro”, finaliza.