Cidade
Foto: Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

O MDB Mulher promove nesta quinta-feira (21) uma capacitação voltada às filiadas do partido e simpatizantes. O Curso Mulheres em Movimento será ministrado por Flávia Vicente da Fundação Ulisses Guimarães (FUG). O evento que marca o Outubro Rosa também terá a participação da presidente estadual do MDB Mulher, deputada Dirce Heiderscheidt.

A palestra será a partir das 19h30 na sede da Associação dos Servidores Públicos Municipais de Rio do Sul localizada no bairro Progresso e vai discutir a atuação das mulheres na sociedade, não somente na política.

A presidente do MDB Mulher, Magali Cristina Schon, comenta que o curso terá participação de lideranças do MDB na região, filiadas e simpatizantes, além da vice-prefeita Karla Fernanda Bastos Miguel que é emedebista. “Queremos motivar as mulheres a buscar essa força que a gente tem de não parar diante das dificuldades e procurar sempre evoluir”, disse.

Ela comenta ainda que a capacitação vai trabalhar alguns sub temas. “Como o fato da mulher poder sair de casa, tirar um tempo para ela, para aprender, para estudar. Será um momento bem especial e vamos oferecer ainda um café e alguns brindes que conseguimos através de algumas parcerias”, completa.

A deputada Dirce Heiderscheidt ressalta que eventos como esse são fundamentais para despertar a consciência da mulher sobre seu potencial na política. “Esse tipo de ação serve para empoderar as mulheres. Somos 52% da população feminina e a mulher tem que participar mais da política, afinal, ela é a responsável pelas grandes demandas, por exemplo, na procura por mais creches, mais escolas, oportunidade de geração de emprego. Por conta disso a gente acaba sempre buscando o apoio de um agente público do sexo masculino, mas os tempos estão mudando e temos que ter esse entendimento que com esse percentual precisamos fazer parte desse novo momento, sentar na mesa e discutir. A mulher precisa sair de plano de fundo e vir para a cena principal”, afirma.

Dirce destaca ainda que a participação feminina é fundamental e o encontro tem como objetivo despertar esse interesse no público feminino. “A mulher tem que acordar que realmente ela faz parte dessa nova geração, da participação na política e tudo tem o primeiro passo. Temos um MDB forte na região, mas precisamos fortalecer ainda mais e isso começa a partir do momento que fazemos essa provocação nas mulheres, temos que quebrar esse tabu de que nós não podemos participar da política, podemos e devemos”, completa.