Alto Vale

Planejada para terminar em dezembro deste ano, as obras de implantação de esgoto em Ibirama têm novo prazo de finalização. De acordo com a Prefeitura, as obras devem acontecer até o primeiro semestre de 2018. A implantação da rede de esgoto foi interrompida há dois meses para a correção de vias, como explica o prefeito Adriano Poffo. “A empresa [responsável pela obra] estava executando o trabalho e não estava fechando as ruas e onde estava concluindo não estava bem feito […] então tivemos várias reuniões com a empresa e com a Casan (Companhia Catarinense de

Águas e Saneamento) e decidimos que primeiro eles fizessem a recuperação do que foi feito para depois retomar as obras”.
A implantação é fiscalizada pelo Conselho Municipal de Saneamento (Comusa) e realizada pela Casan e pela empresa Serviço de Terraplanagem e Construção (STC).

De acordo com a Prefeitura, as obras no bairro Operário e no bairro Taquaras estão em fase final e as obras na região central até a estação de tratamento estão agendadas para o próximo semestre. Segundo o engenheiro da Casan, Antonio Martins, a Rua Tiradentes será a última a receber as obras, pois nesta via será realizada a coleta das ruas secundárias.

As obras de esgotamento sanitário iniciaram em Ibirama em setembro de 2016. São investidos mais de R$ 15 milhões em toda a obra, sendo R$ 5 milhões nesta primeira etapa. Os recursos são da Agência Francesa de Desenvolvimento. As obras acontecem para que 40% da população tenha esgoto tratado.

 

Plano Municipal

No início da semana, o prefeito Adriano Poffo sancionou a lei que aprova o Plano Municipal de Saneamento Básico do Município. O PMSB tem como objetivo ampliar as informações do serviço público de abastecimento de água, serviço de esgoto, limpeza da cidade e manejo com resíduos. O Plano prevê metas e ações para os próximos 20 anos e deve ser revisado a cada quatro anos.

Suellen Venturini