Política
Foto: Helena Marquardt/DAV

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Em entrevista exclusiva ao DAV o prefeito de Pouso Redondo, Oscar Gutz, confirmou pela primeira vez que deve concorrer a deputado estadual pelo PL em 2022. Ele diz que deixaria a prefeitura tranquilo por ter certeza da competência do vice para assumir a administração e que continuaria trabalhando voluntariamente para o Executivo após as eleições.

Oscar disse que seu nome foi um consenso entre as lideranças do partido no Alto Vale e que aceitou o desafio por acreditar que a região precisa ter mais representantes. “O nosso Alto Vale merece ter mais representantes porque temos mais de 200 mil votos e temos essa capacidade de ter mais deputados seja estaduais ou federais. Independente de sigla partidária, os que temos estão trabalhando bastante, mas precisamos sim de mais”, ressalta.

O político que já foi agricultor, caminhoneiro e atualmente também é empresário, garante que leva a sua experiência no setor privado para a gestão pública e que com isso conseguiu fazer um bom trabalho na prefeitura e faria ainda mais na Assembleia Legislativa.  “Acho que isso é muito bacana porque a gente sabe quanto custa cada coisinha, por exemplo. O dinheiro público precisa ser honrado, ser utilizado com transparência e visão”, comenta.

Gutz ficou conhecido em toda região por ser um prefeito que é visto com frequência fora do gabinete trabalhando no setor de obras e inclusive dirigindo veículos pesados da prefeitura para diversos serviços no município. Questionado sobre essa atitude, ele afirma que o trabalho voluntário continuaria mesmo que fosse eleito. “Eu não quero nada para mim, quero para a população e quando me sobra um tempo de ajudar numa obra, na Saúde, na Agricultura. De trabalho ninguém morre e estou aí para isso. É o que verão sempre, não faço como prefeito, mas como cidadão”.

Ao falar sobre o fato de que teria que deixar a prefeitura para as disputas de 2022 ele diz ter certeza que o Executivo ficaria em ótimas mãos na administração do vice-prefeito Rafael Tambosi. “Não tenho dúvidas de que ele é uma pessoa muito competente, honesta e inteligente e Pouso Redondo não perderia nada, ganharia. Até porque não teria vice e a prefeitura já estaria economizando quase R$ 300 mil em salários. Eu vou para ganhar, mas se não der certo não tem problema, volto e ajudo ele a acabar o mandato de forma voluntária”, completa.

Nomes já definidos

Além de Oscar Gutz, que deve concorrer a deputado estadual, o PL do Alto Vale já anunciou também o empresário Jorge Goetten como pré-candidato a deputado federal e apoio a candidatura de Jorginho Mello ao Governo de Santa Catarina. “Vamos trabalhar pelas pessoas. O senador Jorginho Mello fez muito pela região e nunca ouvi alguém falar que ele colocou a mão no pote, assim como o Jorge Goetten. Com essa tríplice aliança vamos trabalhar muito pelo Alto Vale”, finaliza Gutz.