Alto Vale
Divulgação

 

Uma pesquisa feita no ano passado aponta que 61% dos eleitores entrevistados aprovam o governo de Gervásio Maciel. Deste total, 60% declara que o atual prefeito tem governado de forma mais eficaz comparado ao antecessor.

 

Após assumir o Executivo no dia 15 de julho do ano passado, depois da cassação do prefeito Osni Francisco de Fragas, o Lorinho, o atual prefeito de Ituporanga, Gervásio Maciel (PP), vem buscando colocar as contas públicas em dia e otimizar a gestão da prefeitura. E, ao que tudo indica, o objetivo vem sendo cumprido. Prova disso foi superávit orçamentário de R$ 1,5 milhão apresentado no fechamento do ano e os R$ 7,6 milhões que a prefeitura tem de saldo em contas vinculadas a projetos.

 

Além de arrecadar mais do que gastar em apenas seis meses de gestão, Maciel direcionou uma porcentagem superior aos 25% do orçamento, o que é obrigatório, para educação. O prefeito investiu 29% da receita à esta pasta. Na saúde, a porcentagem de investimentos também foi superior aos 15% necessários e o executivo encaminho 18% dos recursos à saúde.

 

Outra ação do governo é referente a diminuição da folha salarial. Quando assumiu a prefeitura, Maciel se deparou com uma folha que ultrapassava o limite de 51% da receita. Em poucos meses de trabalho e algumas ações, o gasto com a folha salarial diminuiu para 47% do orçamento.

“Encontramos a prefeitura em uma situação econômica complicada. Para reverter a situação, montamos uma equipe com pessoas capacitadas e o resultado está sendo positivo”, analisa Gervásio Maciel.