Alto Vale
Foto: Divulgação

O turismo e o planejamento de Ituporanga para o novo momento que o município deve vivenciar a partir do ano que vem com a inauguração do Santuário de Nossa Senhora de Lourdes e do Louvor foi tema de um encontro que reuniu cerca de 50 empresários ligados ao setor no município. O encontro foi realizado na Câmara de Vereadores e seguiu todos os protocolos para evitar a propagação da COVID-19.

A reunião que foi organizada pela Administração Municipal por meio da Fundação Fexponace, teve a finalidade de iniciar o mapeamento de pousadas, restaurantes e demais empresários ligados ao setor e que diretamente podem auxiliar no desenvolvimento da cidade para o atendimento dos turistas.

Entre os assuntos abordados esteve a importância de ampliar os estabelecimentos cadastrados no Cadastur. De acordo com o diretor presidente da Fexponace Paulo Roberto Ribeiro, esse cadastro serve de referencia para o Ministério do Turismo, e hoje de Ituporanga apenas nove estabelecimentos possuem esse cadastro. “Na reunião apresentamos o Cadastur, falamos da importância e também explicamos como fazer o cadastro. Precisamos chegar a mais de 100 cadastrados e isso vai facilitar a busca de recursos para o nosso município”, explicou.

O município conta com o apoio da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (AMAVI) que vem prestando assessoria e por meio do Programa Caminhos do Campo. Hoje com a coordenação da turismóloga Fabiana Dieckmann, 18 propriedades de Ituporanga estão sendo reestruturadas para ampliar a possibilidade de atendimento.

Segundo o diretor presidente da Fexponace a expectativa é criar roteiros com rotas turísticas para que os turistas que vierem visitar o Santuário possam ter possibilidades de ficar em Ituporanga por mais dias. “Estamos catalogando todos os locais que são potenciais e vamos criar as Rotas da Cebola, com alternativas de alimentação, pousada e lazer”, pontuou.

Para o prefeito de Ituporanga Gervásio Maciel o momento é de união entre todos os setores. “Nós como gestores estamos fazendo a nossa parte, preparando o município para esse novo momento e o que precisamos é o apoio dos empresários para que todos possam vivenciar junto com Ituporanga esse bom momento de desenvolvimento”, comentou.

SOBRE O SANTUÁRIO DE NOSSA SENHORA DE LOURDES E DO LOUVOR

O encontro contou com a participação do empresário Silvio Prim, responsável pela construção do Santuário de Nossa Senhora de Lourdes e do Louvor em Ituporanga. A obra que é privada, está avaliada em mais de R$ 10 milhões e tem previsão para ser inaugurada no dia 11 de fevereiro de 2022. “Esse é o dia de Nossa Senhora de Lourdes e a inauguração do Santuário vai ser nossa homenagem a ela que é considerada a padroeira dos enfermos”, explicou o empresário que revelou ainda que por questão de segurança, enquanto o local estiver em obras as visitações seguirão proibidas.

O Complexo Religioso em Ituporanga vai contar com a estátua de Nossa Senhora de Lourdes que com o pedestal chega aos 40 metros de altura, uma Cruz Panorâmica com 50 metros de altura e que também servirá de Mirante, um grande Rosário com 32 metros de altura e uma escadaria com cerca de mil degraus. Embaixo da Santa uma capela está sendo construída. A Capela que vai servir a principio como oratório terá capacidade para cerca de 120 pessoas. Na frente da Estátua de Nossa Senhora de Lourdes já é possível avistar uma outra imagem, a de Santa Bernadete. O Complexo religioso terá ainda outros 14 santos representados em estátuas menores que ficarão dispostas no trajeto da escadaria.