Alto Vale
Foto: Divulgação

Reportagem: Rafaela Correa/DAV

A poeira vinda de estradas sem pavimentação representa um grande problema para moradores que residem às margens de algumas ruas do município de Agrolândia. A boa notícia é que o projeto para revestimento asfáltico em quatro ruas da cidade já está sendo finalizado e embora ainda não exista um prazo para término, após processo de contratação de empresa, as obras já devem ser iniciadas.

De acordo com o prefeito, José Constante, a última visita aos gabinetes do senador Espiridião Amim e deputada federal Angela Amim, em Florianópolis na semana passada garantiu valores altos em recursos. Para a pavimentação das ruas Alberto Koepsel, São João, Adélio Bauer e Ricardo Hobus, o que equivale a cerca de quatro quilômetros, R$ 5 milhões estariam aportados.

Ernesto Francisco é aposentado e reside à margem da rua Alberto Koepsel com a esposa há 17 anos. Ele diz que o asfaltamento é uma promessa antiga e que fica feliz com a possibilidade de realização da obra. “O asfalto vai melhorar 100%, até vai valorizar a nossa chácara, tudo vai ficar mais fácil, porque o nosso sofrimento aqui é com a poeira. Dentro de casa você pode faxinar toda hora e quando chove é ruim também porque o carro traz sujeira para a garagem, tomara que logo seja tudo asfaltado”, comenta.

Além das quatro ruas citadas, o prefeito ainda conta que há recursos para construção dos passeios da Alameda Trombudo Alto e que 12 ruas devem ser pavimentadas com lajotas, para a realização de tantas obras foi feita uma parceria com os moradores.

Além da visita aos gabinetes das autoridades federais, José Constante esteve na Secretaria de Infraestrutura e por lá o município também teve êxito com a demanda apresentada. “Nós em parceria com Trombudo Central e Atalanta vamos estar construindo um projeto para fazer o acostamento na SC-281, que vai de Trombudo Central, passando por Agrolândia, até o município de Atalanta. Os três municípios vão se unir para dar o projeto e o Deinfra através da Secretaria de Infraestrutura do Estado vai realizar a obra”, explica.

Ele ainda ressalta a importância de todas as solicitações e disse que são demandas antigas. “Todas essas obras já estão sendo aguardadas por muitos anos. Tanto as pavimentações quanto o passeio. O acostamento também é fundamental para dar segurança e garantir acessibilidade para ciclistas e pedestres que circulam na SC-281, que já conta com fluxo intenso de caminhões que transportam madeira e caldeiras”, afirma.

Ações do município

Preocupados com a Saúde das mulheres do município, será lançado o programa “Saúde da Mulher”, no dia 8 de março, já aproveitando o significado da data. José Constante disse que todos os trabalhos serão focados na prevenção para diversos problemas que possam afetá-las. “O programa vai cuidar da saúde física e mental da mulher, com uma equipe técnica multidisciplinar, que vai contar com médico, enfermeiros, técnicos em enfermagem, fisioterapeuta e psicólogo. Todos trabalharão mais especificamente na prevenção e é claro que em tratamento também, se for necessário”, completa.