Alto Vale
Foto: Divulgação

Reportagem: Rafaela Correa/DAV

Os moradores de José Boiteux vão receber melhorias, no setor de Infraestrutura. É que a Administração do município anunciou o calçamento em quatro ruas na área central da cidade nos próximos meses. Além disso, a licitação para realização de um projeto para revitalizar o Centro já está em andamento.

De acordo com o prefeito, Adair Antonio Stollmeier, mais conhecido como Pico, a prefeitura está bem financeiramente e para a execução das obras duas emendas parlamentares já estão garantidas. Os valores são destinados para duas das ruas centrais, as outras duas serão feitas com recursos próprios. Atualmente as vias não possuem nenhum tipo de pavimentação. “As ruas 15 de Maio, 15 de Agosto, 3 de Agosto e 25 de Julho, são as ruas que a gente vai pavimentar com lajotas. Para a rua XV de Maio nós já temos um recurso de R$150 mil que está no Diário Oficial da Assembleia, que o deputado Ismael dos Santos repassou através da vereadora Marília. Na 15 de Agosto também temos recursos do deputado estadual Ricardo Alba de R$100 mil. As outras duas, por enquanto, serão feitas com recursos próprios e vamos licitar em 30 dias. As emendas ainda não entraram na conta, mas assim que entrarem nós vamos iniciar todo o processo também”, explica.

Além das quatro ruas, a Administração Municipal também está planejando a revitalização do Centro. Para o prefeito esta é uma obra maior e mais difícil para conseguir recursos, no entanto, ele diz que a prefeitura não possui dívidas e tem um bom caixa, isso facilitaria um financiamento. “As obras seriam do nosso Centro até na ponte da igreja evangélica. Nós já estamos licitando o projeto, então não é para agora, mas queremos realizar a obra. Queremos fazer também uma ciclovia e acostamentos porque não temos acostamento na entrada da cidade. A intenção é procurar os recursos junto ao Governo Estadual. São planos para fazermos ao longo do mandato porque é um valor alto para conseguir e tem todo um processo antes da execução. O bom é que a prefeitura está bem enxuta e sólida, se não conseguirmos recursos com o governo temos a capacidade de fazer um bom financiamento”, garante.

Ampliação de atendimentos na Saúde

As melhorias na Secretaria de Saúde também foram necessárias em José Boiteux. Segundo o chefe do Executivo as adequações aconteceram em salas de atendimento e também nos serviços prestados à comunidade. “Ampliamos a recepção e algumas salas também foram modificadas, como a de fisioterapia, por exemplo, nós fizemos três para dar mais privacidade para os pacientes. Tudo foi pensado para não aglomerar as pessoas. Também mudamos a recepção da farmácia, hoje as pessoas não precisam mais entrar no Pronto Atendimento pra pegar os remédios. Melhoramos os horários de atendimentos das especialidades e contamos com pediatra, fisioterapeuta, clínico geral, ginecologista e psicóloga”, esclarece.

Ele diz ainda que na semana passada a Unidade Básica e Saúde na localidade do Rio Wiegand, que estava fechada há vários anos foi reinaugurada e a comunidade será atendida lá mesmo. Duas vezes ao mês os profissionais de saúde devem se deslocar até lá para facilitar a vida dos moradores que não precisarão percorrer 30 quilômetros para serem atendidos. “Era um sonho da comunidade. As vezes o pessoal vinha até o centro só para pegar uma receita, inclusive vamos levar medicamentos junto, pelo menos os mais usados para que caso necessário seja distribuídos. Estamos tentando evitar que eles venham até o Centro porque são pessoas mais idosas também”, finaliza.