Especial
Foto: Cachoeira do Rio Laeisz em José Boiteux/ Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Um feriadão prolongado sempre foi sinônimo de dias de descanso e uma ótima oportunidade para conhecer novos lugares. Mas se a pandemia atrapalhou seus planos de viagem para o 7 de setembro fique tranquilo. Nós, separamos dicas de locais extraordinários, aqui mesmo no Alto Vale, que você pode (e deve) conhecer . As atrações que vão desde cachoeiras até imóveis históricos, são uma ótima opção para quem quer evitar viagens longas e locais com aglomero.

Há atrativos para conhecer em família, com os amigos e para todas as idades, então se programe e aproveite para descansar a cabeça e revigorar as energias!

Cachoeira Rio Laeisz em José Boiteux

Se você é daquelas pessoas que está disposta a encarar uma super aventura, a Cachoeira Rio Laeisz em José Boiteux é o lugar perfeito para um dia de muita emoção. Dentro do cânion, após uma trilha arriscada, atrás de algumas pedras você vai se surpreender com os 30 metros de queda da cachoeira. O nome remete a história da cidade, quando ainda era uma colônia alemã, em 1897, e teve o rio nomeado Laiesz em homenagem ao conselheiro da colônia, Carl Ferdinand Laeisz, Presidente da Câmara de Comércio de Hamburgo.

Mas atenção, essa essa trilha tem trechos perigosos onde será necessário segurar em raízes e escadas suspensas, por isso ela não é recomendada para crianças, idosos ou pessoas que não estejam em perfeita condição de saúde. Esse também não é um bom programa para quem tem medo de altura.

Essa trilha tem 80 metros de elevação, porém há trechos bastante íngremes. Com extensão de 2,28km deve ser feita com calma, o que pode levar cerca de duas horas. Mas acredite, apesar toda a dificuldade a paisagem compensa o esforço. O cenário é um dos mais lindos do sul do país. Não há cobrança de entrada.

Endereço: Na estrada geral de José Boiteux, ao encontrar a placa do Sitio São Nicolau, você irá entrar na rua oposta, e seguirá até uma placa em papelão bem discreta. Há pouquíssima sinalização, por isso a recomendação é ir com alguém que conheça o trajeto ou baixar um mapa no Google Maps antecipadamente já que por lá não funciona internet.

Atafona Carlos Hajeck em Ibirama

Para quem gosta de história e lindos registros, conhecer a Atafona Carlos Hajeck é uma dica preciosa. Ela foi construída em 1945 e é considerada um museu em funcionamento em perfeito estado de conservação. É tocada através de uma Roda d’água com um sistema complexo de engrenagens de madeira de diversos tamanhos e bitolas, e a força é transmitida através de correias.

Quem preserva e demonstra o funcionamento aos turistas é o Manfredo Hajek (filho do Sr. Carlos Hajek). Ele ainda faz a moagem de milho no local que resulta em fubá pra fazer a polenta e o pão de milho, além de descascar arroz. A Roda D’água ainda movimenta uma marcenaria onde são fabricadas e reformadas peças de madeira. O local fica aberto nos fins de semana e feriados e o preço do ingresso é R$7,00. Para visitar basta apenas fazer o agendamento com o Manfredo por telefone.

Endereço: R. Santa Cruz, KM10 – Rio Sellin

Telefone: (47) 99981-4320

Mirante do Javali em Rio do Sul

No Mirando do Javali, em Rio do Sul, o visitante tem acesso a uma das mais bonitas vistas panorâmicas na capital do Alto Vale. A infraestrutura conta com deque onde é possível aproveitar momentos de relaxamento vendo toda a cidade do alto.

O acesso ao ponto turístico é permitido somente aos sábados e domingos das 9h às 19h. O ingresso por pessoa custa R$ 10,00. A dica é visitar se o tempo estiver bonito para que você possa curtir ainda mais a paisagem privilegiada.

Endereço: Acesso ao lado do Instituto Federal Catarinense – Estr. do Redentor – Bairro Canta Galo

Telefone: (11) 98254-4334 – WhtasApp

Gruta do Tigre Rio do Oeste

A gruta do Tigre em Rio do Oeste é um daqueles lugares que amantes de natureza e tranquilidade devem conhecer.  Pode parecer estranho mas o local nunca teve Tigre e o nome não passa de um mal entendido. Reza a lenda que moradores viram uma jaguatirica, mas acabaram se confundindo e o nome pegou. Hoje na verdade ele até recebeu o nome de Gruta Nossa Senhora Aparecida.

Conhecida por abrigar macacos da espécie bugio que chegam bem pertinho dos visitantes e que são alimentados com bananas pelo zelador, essa imensa área verde  que é um recanto natural tem um imenso local para oração com bancos de pedra, ossos de animais em exposição e um restaurante que serve uma comida caseira e deliciosa. O estabelecimento abre aos domingos com almoço.

Endereço: Rua Morumbi, KM 15 – Bairro Ribeirão do Tigre

Telefone: (47) 98818-9009

Serra da Santa em Chapadão do Lageado

Em Alto Rio Saltinho a 8 km do centro, é possível encontrar um local de turismo religioso e de aventura. O lugar é visitado mais intensamente no dia 12 de outubro, dia no qual pessoas de diversas partes da região vêm para seguir em romaria até o topo da montanha onde está a imagem de Nossa Senhora Aparecida, para pedir ou agradecer por graças recebidas.

Com mais de 1.000 metros de trilha a Serra como é chamada serve também de local de aventura para voos de asa-delta ou simplesmente para escalada e é uma ótima opção de passeio para quem está disposto a fazer atividade física ao ar livre nesse feriadão. A trilha é de nível difícil e o ideal é usar roupas adequadas. Uma boa dica é subir em dias de sol porque a vista fica mais bonita e o perigo de escorregar é menor. A trilha é gratuita.

Endereço: A trilha fica na de Alto Rio Saltinho, mas não há muitas referências, por isso o ideal é ir com alguém que conheça o local.

Cachoeira das Águas Sufurosas em Braço de Trombudo

A Cachoeira das Águas sulfurosas é uma das mais conhecidas  e bonitas do Alto Vale. Mesmo em dias mais frios vale a visita ao local que rende belos registros. A cachoeira contacom uma queda de água de 22,40 metros de altura, e com uma piscina natural de aproximadamente 700m² de água cristalina e exuberante beleza.

O local é de fácil acesso e não é cobrada entrada. Uma excelente dica de passeio para quem curte natureza e quer conhecer uma das paisagens mais lindas do Sul do país. Não há nenhum restaurante ou comércio próximo e a dica é se planejar para esse passeio e levar tudo o que é necessário.

Endereço: A cachoeira fica na localidade de Águas Sulfurosas sentido há quem vai ao Serril. Placas na estrada já indicam o local. Antes de chegar na cachoeira é possível deixar o carro em uma área de estacionamento e seguir a pé por uma estrada com declive acentuado até a base da Cachoeira das Águas Sulfurosas.