Alto Vale, Política
Foto: Helena Marquardt

Reportagem: Cláudia Pletsch/DAV

Assim como o ano de 2020 as eleições nesse domingo (15) foram mais tensas do que o esperado. Os atrasos na apuração e divulgação dos resultados das urnas provocaram horas de ansiedade para candidatos a prefeito e vereadores em todo o estado e também para a população. No Alto Vale não foi diferente, mas na região, o que chamou a atenção foi o grande número de prefeitos reeleitos.

Uma eleição histórica no município de Santa Terezinha também foi destaque nesse ano. Na cidade um dos candidatos foi eleito com apenas um voto de diferença contra a atual prefeita. Ao contrário de Santa Terezinha, Ibirama e Laurentino se destacaram pela grande vantagem com a qual os dois candidatos se elegeram.

Em Agrolândia José Constante (PP) foi reeleito com 50,51% dos votos. A segunda colocada na disputa foi Elke Verena Barg Schlichting da Silva (PSDB) com 30,12% dos votos. Nessa eleição 6.707 eleitores foram às urnas no município escolher entre os seis candidatos ao Executivo. Em terceiro lugar Dalmiro Viscay (Cidadania) ganhou 7,09% dos votos e em quarto lugar Carlos Metzger (PSC) ficou com 6,28% dos votos. O quinto colocado foi Atilio Bogo (PDT) com 3,22% dos votos. Com apenas 2,78% dos votos, Altair dos Santos (DEM) foi o último colocado. No município o número de votos brancos e nulos não foi expressivo, dos 6.707 votos apenas 91 foram brancos e 185 foram nulos.

Agronômica reelegeu Cesar Cunha com 44,53% dos votos. O atual prefeito concorria pela coligação ‘Juntos por Agronômica’ formada pelo PP, PSD e PSDB e vai permanecer no cargo até 2024 junto com o vice, Volnei Rodrigues.  A diferença entre Cesar e o segundo colocado não foi expressiva. José Menegatti (MDB) ficou com 38,70% dos votos. Em terceiro lugar o servidor público municipal Maicon Jahn (Republicanos) ganhou 16,78% dos votos. Nesse domingo 3.844 eleitores foram às urnas, desses, 103 votaram nulo e 51 votaram em branco.

O município de Atalanta também reelegeu Juarez Rodermel, o Sassá (MDB) que ganhou 63,46% dos votos. O único adversário dele foi Tarcisio Hillesheim (PP) que ganhou 36,54% dos votos. Dos 2.615 eleitores que foram às urnas, 17 votaram em branco e 39 anularam o voto. Agora Juarez permanece no cargo até 2024 junto com o vice Cláudio Volnei Sens (MDB).

Em Aurora a reeleição foi de Alexsandro Kohl (MDB), o Xandão, que ganhou 54,46% dos votos e estará à frente do Executivo pelos próximos quatro anos junto com Ronald Gunther que também é do MDB. O adversário do atual prefeito foi Vanderlei Zandonai (PP) que ficou com 45,54% dos votos. No município 4.604 eleitores foram às urnas, e desses, 18 votaram em branco e 52 votaram nulo.

Braço do Trombudo foi mais um dos municípios do Alto Vale a reeleger o prefeito. Nildo Melmestet (MDB), o Colorido, ganhou 35,33% dos votos. Logo atrás com 32,05% Guilherme Neu ficou em segundo lugar. Com uma diferença pouco expressiva Vilberto Schovinder (PL) ficou em terceiro lugar com 28,25% dos votos. Romildo Teske (PSD) teve 4,36% dos votos. Agora, Colorido permanece no cargo até 2024 junto com a vice Marcia Felipe que também é do MDB.

Em Chapadão do Lageado Abel da Silva venceu com 56,15% dos votos. Ele representava a coligação ‘A hora é agora Chapadão do Lageado’ formada pelo PP, PT, PL e PSDB. Abel assume o Executivo do município no dia 1º de janeiro de 2021 junto com seu vice, Vorli Chiquio. O único adversário de Abel era o empresário Eugenio Roling (MDB) que ganhou 43,85% dos votos. Em Chapadão do Lageado om 2.385 eleitores foram às urnas, desses, 34 anularam o voto e 11 votaram em branco.

Dona Emma contava com três candidatos ao Executivo e quem saiu vitorioso foi o atual prefeito Nerci Barp, ele teve 46,31% dos votos e deve permanecer no cargo até 2024 junto com o vice Nilo Graupner. Os dois representavam  a coligação ‘Dona Emma no caminho certo’ formada pelo MDB e PP. Em segundo lugar ficou Jean Carlos Rizzieri (PSD) que ganhou 42,96% dos votos e ficou à frente de Edna Beltrame Gesser (PSDB) que recebeu a menor porcentagem de votos com 10,73%. Em Dona Emma 2.809 eleitores foram às urnas e 57 anularam o voto enquanto 31 votaram em branco.

Ibirama foi um dos municípios onde a vitória foi uma das mais tranquilas do Alto Vale. Adriano Poffo concorreu pela coligação ‘Compromisso com Ibirama’ formada pelo MDB e PL e recebeu 75,96% dos votosjunto com o vice Jucélio de Andrade. O único adversário de Poffo foi Mali Vendrami (Podemos) que ficou com 24,04% dos votos. Em Ibirama 11.134 eleitores votaram, e desses, 385 anularam o voto enquanto 254 votaram em branco.

Deny Sheidt também foi reeleito em Imbuia pela coligação ‘Imbuia, novos tempos com a força do povo!’ formada pelo MDB, Podemos e PSDB que recebeu 51,95% dos votos. O único adversário do atual prefeito era Amilton Machado (PP) que fez 48,05% dos votos. Em imbuia 4.328 eleitores foram ás urnas e 40 votaram em branco enquanto 67 anularam o voto. O prefeito reeleito tem como vice Lauri Mom (Podemos).

Ituporanga elegeu Gervásio Maciel (PP) com 60,42% dos votos. Ele concorreu pela coligação ‘Trabalho e competência’ e tem como vice Geison Kurtz (PSL). O seu adversário era Rafael Sebold (MDB) que ganhou 39,58% dos votos. Em Ituporanga 15.169 eleitores foram às urnas e 280 votaram em branco, enquanto 466 anularam o voto.

José Boiteux tinha dois candidatos ao Executivo e o vitorioso foi Adair Antonio Stollmeier (PP) com 50,54% dos votos. Pico, como é conhecido, se elegeu com apenas 39 votos de diferença  a frente do adversário Geovane Lunelli (MDB) que conseguiu 49,46% dos votos. Agora o candidato reeleito deve permanecer no comando do Executivo até 2024 junto com o vice Claudenir Sensi (Podemos). Em José Boiteux 3.756 eleitores foram ás urnas e 87 anularam o voto enquanto 32 votaram em branco.

Em Laurentino Marcelo Rocha (MDB) foi vitorioso com 74,16% dos votos, concorreu pela coligação ‘Laurentino é a Nossa Bandeira’ formada pelo PSD e MDB e tinha como vice o agricultor Agenor Avi (MDB). O adversário de Marcelo foi Moacir Coradini (PSL) que ganhou 25,84% dos votos. Em Laurentino 5.103 eleitores foram às urnas e 231 anularam o voto, enquanto 127 votaram em branco.

Lontras confirmou a vitória de Marcionei Hillesheim (MDB) com 66,68% dos votos. Ele concorreu com chapa pura tendo como vice Rubens Klauke. Eduardo Purnhagen (PP) recebeu 33,32% dos votos. Em Lontras 7.458 eleitores foram votar e 187 anularam o voto enquanto 86 votaram em branco.

Em Mirim Doce Berardo Peron (PSD) levou a melhor. Ele concorreu pela coligação ‘Compromisso com a renovação’ formada pelo PSD, PSL, PL, PODE e teve 57,57% dos votos. Em 2021 ele assume o Executivo junto com o vice Jian Paulo Cardoso. A única adversária de Tio Bê foi Maria Luiza Kestring Liebsch (MDB) que ganhou 42,43% dos votos. Em Mirim Doce 2.124 eleitores foram às urnas e 9 votaram em branco, enquanto 34 anularam o voto.

No município de Petrolândia Rogério Domingos (PP) ganhou 51,98% dos votos enquanto Edson Padilha (Pode) recebeu 48,02%. Domingos concorreu pela coligação ‘Petrolândia nossa terra nossa gente’ formada pelos partidos PSD e PP tendo como vice o professor Selmo Klauberg. A vitória de Déio, como é conhecido,  depende agora da decisão da Justiça Eleitoral já que o político está com a situação pendente junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por ausência de requisito de registro. Em Petrolândia 4.670 eleitores foram votar e 129 anularam o voto enquanto 64 votaram em branco.

Pouso Redondo confirmou a reeleição de Oscar Gutz (PL) com 62,53% dos votos. O prefeito reeleito concorreu ao lado do vice, Rafael Tombozi pela coligação ‘Nosso partido é Pouso Redondo’ formada pelos partidos PL, PSL, PDT e PT. O único adversário de Oscar foi Junior Coelho que conseguiu 37,47% dos votos. Em Pouso Redondo 9.690 eleitores foram para as urnas e 210 anularam o voto enquanto 87 votaram em branco.

A reeleição também aconteceu em Presidente Getúlio. Por lá Nelson Virtuoso (MDB) e o vice José Adálcio Krieger,  receberam 55,30% dos votos. Os dois concorreram pela coligação ‘O trabalho continua’ formada pelos partidos PT, MDB, PL e Cidadania. Em segundo lugar com 35,42% dos votos ficou Lucia Stainsack (PP) e com apenas 9,28% dos votos o último colocado na disputa foi Christian Radloff (Republicanos). Em Presidente Getúlio 10.921 eleitores foram às urnas e 102 votaram em branco enquanto 204 anularam o voto.

Presidente Nereu elegeu Celso Augusto Vieira (MDB) com 53,54% dos votos. Ele concorreu com chapa pura pelo MDB junto com o vice Claudiney Bach. O único adversário de Celso foi Jimmi Leske que teve 46,46% dos votos. Na cidade 2.057 eleitores foram até as urnas e 34 anularam o voto enquanto 25 votaram em branco.

Vidal Balak (PSD) levou a melhor em Rio do Campo. O empresário que concorreu pela coligação ‘Renovando Rio do Campo pode mais’ tem como vice Acácio Mees e ganhou 55,14% dos votos. Antonio Carlos Contenzini (PSL) recebeu 44,86% dos votos.  No município 4.717 eleitores foram até as urnas e 90 anularam o voto, enquanto 30 votaram em branco.

Em Rio do Oeste a votação elegeu Arnildo Ferrari (PP), com 53,52% dos votos. Ele concorreu pela coligação ‘Rio do Oeste não pode parar’ formada pelo MDB e PP e vai assumir o Executivo junto com o vice Clovis Rossa (MDB). O adversário dele foi Odenir Felizari que ficou com 46,48% dos votos. Na cidade 5.161 eleitores foram votar e 125 anularam o voto enquanto 64 votaram em branco.

A capital do Alto Vale reelegeu José Thomé (PSD) com 38,14% dos votos. Ele concorreu pela coligação ‘Trabalhando para fazer ainda mais’ formada pelos partidos DEM, PROS, PSC, PSD, MDB e Solidariedade. Thomé tem como vice Karla Fernanda Bastos Miguel (MDB) e deve permanecer no comando do Executivo de Rio do Sul até 2024. Em segundo lugar o professor Jaime Pasqualini (Pode) recebeu 29,56% dos votos e Jean de Liz (PDT) veio em seguida com 16,88% dos votos. Em quarto lugar ficou Dionísio Tonet (PSL) com 13,16% e o menos votado foi Clóvis Hoffmann com 2,26% dos votos. Em Rio do Sul 36.666 eleitores foram até as urnas e 1.433 votaram em branco, enquanto 2.069 anularam o voto.

Salete também reelegeu a atual prefeita Solange Schlichting (PL). A Chica concorreu pela coligação ‘Salete ainda melhor’ formada pelo PL, PP e PSD e tem como vice José Tadeu Tenfen. Solange recebeu 57,11% dos votos e deve continuar no comando do Executivo por mais quatro anos. O único adversário da política foi Genoir Kniss (PSL) que recebeu 42,89% dos votos. Em Salete 5.182 eleitores foram votar e foram computados 149 nulos e 58 brancos.

Santa Terezinha fez uma eleição histórica onde o comerciante Genir Junkes recebeu a vitória com apenas um voto de diferença da atual prefeita Valquiria Schwarz (PSD). Genir, que concorreu com chapa pura pelo MBD tem como vice o médico Israel Olegário de Souza Moreira. A porcentagem de votos recebida pelo prefeito eleito foi de 45,37% enquanto a atual prefeita recebeu 45,35% dos votos. Em último lugar Alois Zartor (PSL) recebeu 9,28% dos votos. No município 5.746 eleitores foram até as urnas e 89 anularam o voto enquanto 45 votaram em branco.

Taió também teve uma disputa acirrada que resultou na vitória de Horst Alexandre Purnhagen (MDB) com 34,07% dos votos, ele concorreu pela coligação ‘Taió acima de tudo’ e tem como vice o empresário Emerson Grundfeldt. Em segundo lugar a empresária Elisete El Golli (PSDB) teve 31,91% dos votos. A terceira colocada foi Nerlize Sandri (PSD) com 15,96% dos votos e em quarto lugar o vereador Tiago Maestri recebeu 15,60% dos votos. Com 2,47% dos votos o professor Cassiano Marafon (PT) ficou em último lugar na disputa. Em Taió 11.863 eleitores foram até as urnas e 146 anularam o voto enquanto 143 votaram em branco.

Trombudo Central reelegeu Geovana Gessner (MDB) com 48,90% dos votos. Ela concorreu pela coligação ‘Seriedade e trabalho por Trombudo Central’ formada pelo MDB e PL e tem como vice o empresário Hermelino Prada. Em segundo lugar o engenheiro Leirson Vicente (PSD) recebeu 31,56% dos votos. O último colocado foi Fernando Luiz Hoffmann (PP) com 19,53% dos votos. Em Trombudo Central 4.431 pessoas foram votar e foram computados 67 nulos além de 33 brancos.

Em Vidal Ramos o atual prefeito foi derrotado pelo administrador Nelson Back (PSD) que recebeu 56,42% dos votos. Nelson concorreu pela coligação ‘Uma nova história’ formada pelo PSD e PDT e tem como vice Ambrosio Rubick. Odilmar de Souza (MDB) o atual prefeito recebeu 43,58% dos votos. No município 4.815 eleitores votaram e foram computados 33 brancos além de 55 nulos.

Vitor Meireles reelegeu Bento Francisco Silvy (PP) com 47,64% dos votos. O a atual prefeito permanece no cargo até 2024 junto com o vice Ivanor Boing. Em segundo lugar com 32,73% dos votos o empresário Estevão Ruchinski (MDB) não conseguiu se eleger e o menos votado foi Marcelo Darolt (PL) com 19,62% dos votos. No município 3.930 eleitores foram até as urnas e 32 votaram em branco enquanto 61 anularam o voto.

Em Witmarsum Cesar Panini (PDS) levou a melhor e foi reeleito com 41,35% dos votos. Ele concorreu pela coligação ‘Juntos faremos mais’ e vai permanecer no cargo junto com o vice Vilso Paulo. Sergio Rojanio Borges (MDB) teve 34,32% dos votos e o menos votado foi Alcindo Effting com 24,33% dos votos.