Cidade
Foto: Divulgação

Reportagem: Rafaela Correa/DAV

Com dificuldades em razão da falta de espaço, a Renal Vida de Rio do Sul já tem apoio da prefeitura para novo local anexo ao hospital, mas enquanto isso não acontece os trabalhos precisam continuar e por isso uma nova máquina de hemodiálise no valor de R$60 mil foi adquirida. Para tal valor, as doações diretas e campanhas de troco solidário foram essenciais.

De acordo com informações repassadas pela instituição, o novo equipamento atenderá demandas da Renal Vida e também dos internos no Hospital Regional Alto Vale (HRAV), inclusive de pacientes acometidos pela covid-19.

Segundo o nefrologista Leonardo Claudino Ribeiro, a máquina de diálise chega para suprir uma demanda já existente. “A máquina vai suprir o aumento da demanda ocasionada pela nova UTI de covid, além do aumento de pacientes em geral aqui na Renal Vida. No começo da pandemia foi comprada mais uma máquina que faz purificação da água para poder ter atuação na UTI e agora a gente teve necessidade de adquirir mais uma máquina de diálise para atender esses pacientes que acabam fazendo alteração de funcionamento do rim decorrente do coronavírus, então vem suprir uma necessidade que já existe e que precisamos remediar a curto prazo”, explica .

Apesar das dificuldades financeiras, aumento do custo dos insumos e EPI’s para proteção dos pacientes e profissionais, aumento do custo com recursos humanos, a Renal Vida tem conseguido manter o atendimento aos doentes renais do Alto Vale com ajuda das doações que recebe da população em geral seja na fatura da energia elétrica, doações espontâneas ou campanhas realizadas por empresas da região.

Em nota, a equipe agradeceu todas as doações, que são essenciais para a manutenção da Renal. “Além das doações diretas, contamos com a campanha do troco solidário realizada pelo Supermercado Nardelli no período de outubro a dezembro de 2020 e também com o troco solidário que está sendo realizado na Loja Havan até o dia 30 de junho deste ano. Deixamos aqui nosso especial agradecimento aos doadores e a iniciativa de empresários”.

A Associação Renal Vida de Rio do Sul, atende atualmente 179 pacientes em hemodiálise e diálise peritoneal, número este em crescimento contínuo. Sempre enfrentando desafios e buscando superá-los, durante a pandemia algumas dificuldades ficaram mais evidentes.

Com o crescente número de pacientes necessitando de diálise (decorrente do envelhecimento da população e aumento da prevalência de pressão alta e diabetes) associado à necessidade de distanciamento social decorrente da pandemia, a ampliação do espaço atual se torna urgente. “É público o compromisso da Prefeitura Municipal em ceder espaço anexo ao hospital para as necessárias ampliações, além do entendimento da administração do Hospital Regional Alto Vale (HRAV) de que a Renal Vida deva continuar anexa ao hospital, pois otimiza o atendimento aos pacientes do HRAV”.