Alto Vale
Foto: Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Servidores do Ministério do Turismo e da Universidade Federal Fluminense estão no Alto Vale para visitar as propriedades que integram o roteiro Caminhos do Campo, que foi um dos selecionados para participar do projeto Experiências de um Brasil Rural que contempla assessoria e capacitação dos participantes para apoiar e promover o turismo rural no país.

Na visita técnica será feita a validação das experiências desenvolvidas pelo projeto e também serve como uma etapa de captação de imagens dos roteiros e experiências para apoio à comercialização. “Vídeos, fotos das propriedades, depoimentos dos produtores vão se transformar em material audiovisual para a promoção desses roteiros”, revela a representante do Ministério do Turismo, Rafaela Levay Lehmann Herrmann.

Ela explica que o projeto Experiências de um Brasil Rural foi desenvolvido para trabalhar uma alternativa de renda e emprego para a população rural por meio do turismo. “Com a visita as propriedades, onde o turista pode conhecer a produção, de como é a vida no campo que é uma das grandes tendências no turismo pós-pandemia onde as pessoas querem estar em contato com a natureza, viver experiências autênticas com resgate das tradições e o Caminhos do Campo está completamente alinhado a essa estratégia do projeto”, disse.

Rafaela destaca ainda que a equipe está feliz com os resultados. “Realmente são experiências encantadoras. Os produtores foram muito empenhados nessa etapa de capacitação apesar dos desafios da pandemia e está sendo uma satisfação vivenciar e experimentar essas visitas que estamos fazendo”, completa.

A coordenadora de Turismo da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (Amavi) e idealizadora do Caminhos do Campo, Fabiana Dickmann, destaca que é um motivo de orgulho receber a equipe para conhecer as propriedades. “Para nós receber eles, proporcionar que eles vivenciem essas experiências e conheçam as propriedades que integram o Caminhos do Campo nos dá mais grandiosidade. Nos faz ficar ainda mais conscientes que estamos caminhando a passos longos e sólidos para o desenvolvimento do turismo na região do Alto Vale”, ressaltou.

Fabiana comenta ainda que o material audiovisual que está sendo produzido pela equipe vai dar uma visibilidade ainda maior para o roteiro que tem apenas três anos. “Ele vem a somar e muito e firmar o Caminhos do Campo na região turística”.

A servidora do Ministério do Turismo completa dizendo que a próxima etapa do projeto contempla a visita de chefes de cozinha renomados às propriedades do Alto Vale para trabalhar os pratos que podem ser oferecidos aos turistas. “Eles vão trabalhar com os produtos de cada roteiro, pratos com os cozinheiros locais para mostrar com o é rica essa produção rural e como é forte a gastronomia nos roteiros e como isso pode agregar mais valor aos roteiros e turismo rural”, finaliza.