Política
Foto: Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

Os vereadores Marcos Zanis e Adilson Bonfanti, ambos do PSD estiveram nesta terça-feira (10) em Chapecó para conhecer o projeto GPS Rural e quem sabe propor a implantação de uma iniciativa parecida em Rio do Sul. O objetivo é mapear as áreas rurais e possibilitar um atendimento mais rápido a comunidade em diversas situações como emergências de saúde.

No sistema que foi implantado no município do Oeste, são cadastradas as vias de acesso às propriedades rurais, residências e pontos de interesse. Os mapas são disponibilizados para órgãos como Polícia Militar, Polícia Civil, Bombeiros, Samu, Defesa Civil, Oficiais da Justiça e outros conveniados, o que permite que eles possam atender as diversas demandas dos moradores com mais agilidade, reduzindo sensivelmente o tempo de espera e atendimento.

O mapeamento é feito por satélite utilizando imagens aéreas e depois os dados são compilados e lançados no sistema que é compatível com GPS, celulares, tablets entre outros equipamentos. O sistema é atualizado mensalmente ou sempre que houver alterações. Em paralelo também busca-se acelerar a implantação da telefonia móvel e da melhoria urgente das estradas rurais.

Segundo Marcão, como é conhecido, em Chapecó eles estiveram na Secretaria de Agricultura, no gabinete do prefeito João Rodrigues e também em uma propriedade que participa do programa. “O Programa GPM Rural foi idealizado pela Prefeitura de Chapecó e Sociedade Amigos de Chapecó, fazendo o georreferenciamento das propriedade para facilitar a localização pelas forças de saúde e segurança e em Rio do Sul também traria muitos benefícios”, comenta.

O diretor do Departamento de Geoprocessamento de Rio do Sul também acompanhou os vereadores.