Sem categoria
Foto: Divulgação/ Testagem mês de agosto 2020

Reportagem: Cláudia Pletsch/DAV

Os números de infectados pelo coronavírus vêm crescendo novamente nas últimas semanas e o aumento de casos preocupa a população que teme um novo lockdown, é também por conta do salto nos números que muitas pessoas questionam sobre o que está sendo feito pelos poderes públicos para conter o crescimento da doença. Em Rio do Sul, a Secretaria de Saúde prepara uma nova testagem em massa para traçar o perfil epidemiológico da cidade e também encontrar possíveis assintomáticos.

Essa é a quarta vez que Rio do Sul passa por uma testagem em massa, dessa vez os 500 testes gratuitos serão feitos em formato de drive-trhu no Centro de Eventos Hermann Purnhagen no dia 05 de dezembro das 08h ás 18h. Para participar da testagem basta fazer a inscrição até o dia 30/11 através do link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfROi8IMBvQyr_aaOsiII6zS0leFV-vryHRiH0MB63aIUgVnw/viewform que é disponibilizado pela prefeitura municipal e Defesa Civil. Podem se inscrever pessoas com idade entre 18 e 70 anos domiciliadas no município.

Na última semana, de 16 a 20 de novembro foram registrados 313 novos casos da doença, e na quarta-feira (18) Rio do Sul ultrapassou a marca de 2 mil pessoas infectadas. Nessa segunda-feira (23), foram 26 novos positivados, já nessa terça-feira (24) mais um óbito foi registrado pelo Hospital Regional Alto Vale, um homem de 65 anos morador de Rio do Sul que estava internado desde o dia 9 desse mês.

A secretária de saúde, Roberta Hochleitner, explica que a conscientização da população é essencial nesse momento e que a Secretaria de Saúde vem intensificando os trabalhos de alerta. “A gente esteve no último sábado na praça com uma campanha de orientação para a população com entrega de um folder informativo com as informações que a gente já traz desde o início da pandemia. Entregamos também álcool em gel e máscaras e pedimos muito que a população siga as orientações que evite aglomeração que use álcool em gel que lave as mãos com frequência. Orientamos também que se a pessoa for ao mercado que evite de ir com mais pessoas, que ela vá sozinha”, ressalta.

Questionada sobre a fiscalização e orientações com relação a bares e restaurantes a secretária explica que o Governo do Estado ainda não encaminhou nenhuma orientação diferente para esses estabelecimentos, mas pede que as pessoas evitem as aglomerações e diz que as fiscalizações junto com a Polícia Militar (PM), Bombeiros e Guarda Municipal estão sendo intensificadas nesse período.