Cidade
Foto: Divulgação

A convite do Ministério de Comércio da República Popular da China, membros do Conselho Nacional de Jovens Empreendedores (Conaje) estão participando do Seminário de Empreendedorismo de Jovens dos Países Lusófonos em 2017.

Ao todo, são 23 pessoas do Brasil participantes do evento. Delas, 11 são de Santa Catarina, membros do Conselho Estadual de Jovens Empreendedores de Santa Catarina (Cejesc), e 12 são de Goiás, membros da Federação das Associações de Jovens Empreendedores e Empresários (FAJE).

“O seminário é uma experiência única, onde além de conhecer sobre a cultura chinesa, podemos estreitar relações e gerar novas oportunidades para nossos negócios”, conta o 1º vice-presidente do Cejesc e integrante do Núcleo de Jovens Empreendedores da Associação Empresarial de Rio do Sul (Acirs), Tiago Pisetta.

A viagem teve início no dia 6 e vai até 26 de setembro na cidade de Fuzhou, província de Fujian na China, visitando ainda as cidades de Putian, Xiamen e Xian. Na programação do evento ocorrem diversas visitas à empresas e ainda centros turísticos.

O seminário é uma parceria entre os governos brasileiro e chinês, com o propósito de compartilhar o empreendedorismo entre os países. Entre os temas estão a reforma e abertura da China, a história de empreendedorismo na área rural, as características econômicas, as oportunidades de cooperação da China, a globalização e experiências chinesas de desenvolvimento econômico, os apoios de política para os deficientes e o financiamento de recursos sociais.

“Em 2016 foram 12 participantes brasileiros neste mesmo seminário, a expectativa é que em 2018 possamos viabilizar ainda mais participações e estreitar nosso relacionamento com o governo chinês”, concluiu o presidente da Conaje, Guilherme Gonçalves.