Alto Vale
Foto: Divulgação

Rafaela Correa/DAV

A campanha para coletar de óleo de cozinha é uma inciativa da Pronatur- Projetos Ambientais, juntamente com a prefeitura de Salete e tem apoio das Secretarias de Educação, Agricultura e outras entidades. O objetivo é promover a conscientização dos impactos ambientais através dos alunos e conseguir o engajamento das famílias. A campanha vai ocorrer todos os meses e no dia 22 de março, se for permitido em razão da pandemia, haverá um pedágio para entrega de folders e mudas de árvores nativas na cidade.

De acordo com a engenheira agrônoma da Pronatur- Projetos Ambientais, Natália Maria, a campanha já foi realizada anteriormente no município e a ideia teria surgido da preocupação com as questões sociais e ambientais. “Sabendo da importância da destinação correta desse material para não poluir os mananciais hídricos do município e o solo, a proposta será benéfica. Conseguimos parceria com a empresa coletora, Jaraguá Óleo que fará coleta gratuita do material e destinará corretamente. Eles utilizam para produtos de limpeza e ração para animais, conforme nos foi passado. Além disso, vai ser legal fazer um trabalho de conscientização, e esperamos a adesão da comunidade com um todo, a população do interior e a população urbana. As crianças terão papel fundamental nisso”, explica.

Ela conta ainda que no dia da água, 22 de março, se for permitido, já que a situação da pandemia é bastante grave, será realizado um pedágio na cidade, com objetivo de divulgar a campanha. “Teremos a realização de um pedágio no município onde haverá entrega de folders e faremos a entrega de mudas de árvores nativas”, comenta. Ela diz também que a prefeitura já realizou outras ações em parceria com a empresa, como a coleta de resíduos eletrônicos.

A secretária de Educação Joana Demori avalia de forma positiva essa coleta e diz que os alunos poderão incentivar os pais a levarem o produto. “Para nós da Educação a campanha é muito importante e sabemos o quanto vai fazer bem ao meio ambiente, fará com que o óleo de cozinha utilizado nas residências dos nossos alunos, nas residências das famílias do município tenha a destinação correta. Os nossos professores, nossa equipe de profissionais de educação vai estar à frente, na parte pedagógica trabalhando isso.”, afirma.

Ela explica ainda que a campanha será realizada todos os meses. Os pontos de coleta estão localizados na Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e na oficina em frente à Escola de Ensino Fundamental Bernardo Rohden. Para levar o óleo de cozinha até um dos pontos de coleta, a recomendação é colocar o produto dentro de uma garrafa pet.