Esporte
Foto: Arquivo Pessoal

A Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e o Conselho Estadual de Esporte (CED) farão, na próxima segunda-feira (4), a entrega da Comenda do Mérito Esportivo. A cerimônia acontecerá no Auditório Antonieta de Barros, da Assembléia Legislativa, às 19h. Serão homenageados na edição de 2017 os esportistas José Augusto Carrillo, José Maria Nunes, Luiz Ernani Buerger, Marcelo da Silva Costa e José Eduardo Nunes Souza (in memorian). Além do rio-sulense Raul Ferrari. Como entidade esportiva, a homenageada deste ano será a Associação Joaçabense de Voleibol.

A comenda foi criada em 1994 para homenagear desportistas que contribuíram para escrever a história do esporte catarinense. Até a edição de 2016, foram 145 pessoas agraciadas com o título de comendadores do esporte e 16 entidades esportivas.

Outro homenageado será o jornalista Roberto Alves, que receberá a Medalha de Gran Mérito do Esporte, a maior manifestação honrosa concedida a um esportista catarinense. Desde que foi instituída, em 2007, a honraria foi recebida pelos ex-governadores Luiz Henrique da Silveira e Antônio Carlos Konder Reis, os ex-secretários de Cultura, Esporte e Turismo Salomão Ribas Júnior, Gilmar Knaesel e César Souza Júnior, e os atletas Gustavo Kuerten, Tiago Splitter e Romeu Max Joerig. Roberto Alves, que já recebeu o título de comendador do esporte catarinense no ano 2000, a partir do dia 4 passará a fazer parte do seleto grupo de homenageados com a Medalha de Gran Mérito.

Outra honraria a ser entregue ficará por conta do Tribunal de Justiça Desportiva. Trata-se da Medalha Marcílio César Ramos Krieger, instituída em 2011 para homenagear pessoas que prestaram relevante serviço à justiça desportiva catarinense. Guilherme Augusto Caputo Bastos, Tullo Cavalazzi Filho e Wanderlei Godoy Junior terão seus nomes unidos aos de outros sete profissionais do direito esportivo. A medalha tem o nome de um dos mais importantes juristas que atuaram no esporte. Marcílio Krieger, falecido em 2010, foi autor Código Brasileiro Disciplinar do Futebol Anotado e Legislação Complementar. Além disso, prestava consultoria sobre Direito Desportivo a clubes, atletas e sindicatos de atletas, além de rádios e jornais.

Raul Ferrari

Ao longo de seus 77 anos, Tucano (como é conhecido) foi jogador de futebol amador e de futsal, defendendo a CME de Rio do Sul em várias edições dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc). O primeiro deles foi em 1969, em Mafra. Mais tarde foi dirigente da Comissão Municipal.

Continuou participando dos Jasc como comentarista esportivo pela Rádio Difusora. “Me orgulho de ter sido árbitro, junto com Raulino Ferrari (seu irmão gêmeo) da primeira edição do Torneio de Verão dos Brejeiros”. Foi também presidente e diretor do Rio do Sul e Atlético Alto Vale.