Alto Vale
Divulgação

 

O suspeito de ter assassinado o prefeito de Imbuia, João Schwambach, na quarta-feira (8), teve morte cerebral confirmada. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do Hospital Regional Alto Vale, onde ele estava internado desde o dia do crime.

 

A Justiça havia decretado na sexta-feira (10) a prisão dele, depois que deixasse o hospital. A decisão foi do juiz Marcio Preis, da 2ª Vara de Ituporanga, que atendeu ao pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC). A prisão foi decretada para garantir a ordem pública e a instrução processual.

 

O suspeito foi indiciado por homicídio qualificado, motivo torpe e pouca chance de defesa para a vítima. Na casa dele foi apreendida a arma do crime, que não tinha registro.