Alto Vale

O suspeito do duplo homicídio em Agrolândia, que continuava foragido desde a segunda-feira (6) se apresentou a Polícia Civil e foi preso preventivamente e encaminhado ao Presídio Regional de Rio do Sul. O homem, que não teve a identidade divulgada e alegou legítima defesa, é acusado de matar pai e filho a tiros após uma discussão.
O delegado de Trombudo Central, Daniel Zucon, explica que o suspeito se apresentou na Delegacia na presença do seu advogado, mas não deu mais detalhes sobre o caso. O mandado de prisão preventiva foi cumprido na terça-feira (7) por intermédio da Delegacia de Polícia da Comarca de Trombudo Central e da Delegacia do Município de Agrolândia.

Alciro e Joacir Biancato foram mortos a tiros na noite de segunda-feira em frente a empresa madeireira da família na localidade de três barras. O pai, que foi vereador de Agrolândia entre 1993 e 1996, levou um tiro no peito e o filho foi baleado três vezes: duas no peito e uma no braço e logo depois dos disparos o suspeito havia fugido do local. As vítimas morreram antes da chegada dos bombeiros