Cidade

A Secretaria de Saúde de Rio do Sul iniciou nesta semana a testagem de cerca de mil pessoas para a Covid-19. A estratégia é fazer, em cada unidade de saúde nos bairros, um teste rápido com a população assintomática, ampliando assim a cobertura de testagem e ajudando a identificar casos de pessoas que, eventualmente, já ficaram doentes, mas não tiveram sintomas.

Cada unidade está realizando a própria seleção de pessoas dentro de alguns critérios como ter idade entre 16 e 59 anos, não ter sido positivo para a doença, não ter apresentado nos últimos 14 dias, sintomas característicos de quem tem suspeita de estar com Covid-19 como febre, dor de cabeça, coriza, tosse, falta de ar, ou diarreia. A pessoa não estar afastada das atividades laborais e ser residente no bairro que fará a testagem.

De acordo com a secretária de saúde, Roberta Holchleitner, o objetivo é testar cada vez mais pessoas para verificar se a Covid-19 teve maior circulação em pessoas consideradas assintomáticas, fato que já ocorreu em outros mutirões de testagem realizados pela prefeitura.

Até o momento, quase cinco mil pessoas na cidade estão ou já tiveram a doença, significando um total de 6,9% da população total de Rio do Sul. E cerca de 19,5 mil habitantes, ou seja, 27% da população total, já fizeram algum tipo de teste, considerando-se positivos, recuperados e os casos ainda suspeitos.

Testes disponíveis por unidades de saúde

 

Unidade de Saúde Total
Albertina (Albertina e Bom Fim) 20
Barra do Trombudo 83
Barragem 75
Bela Aliança 69
Boa Vista 65
Bremer (Bremer e Navegantes) 45
Budag 40
Canoas 69
Canta Galo 55
Fundo Canoas 69
Laranjeiras 71
Pamplona 35
Progresso 23
Rainha 15
Santa Rita (Santa Rita e Valada São Paulo) 58
Santana 48
Taboão 44
Policlínica (Itoupava, Centro, Eugênio Schneider, Jardim América, Sumaré) 120
Total 1004