Cidade
Foto: Divulgação

Reportagem: Helena Marquardt/DAV

O trânsito no km 143 da BR-470 em Rio do Sul vai ficar em sistema de pare e siga por tempo indeterminado. A interdição parcial é motivada por obras emergenciais realizadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) após a ruptura de um bueiro que fez com que parte da pista cedesse.

O superintende local do DNIT, Christiano Zulianello informa que o bueiro com diâmetro de 80 cm, possivelmente rompeu com erosão do aterro causada pelas fortes chuvas dos últimos dias. “Estamos no sistema de pare e siga até que seja possível construir um desvio de tráfego”, disse.

Ele esclarece que no trecho será preciso fazer o desvio para poder escavar a pista e construir o novo bueiro. “Vamos aterrar boa parte da grota existente no lado de cima, construir um novo bueiro também de 80 centímetros, e uma descida d’água em degraus (uma escada de concreto), fazendo a ligação com a caixa de jusante do bueiro”, completa.

O órgão informou ainda que no momento não é possível determinar um prazo para execução das obras e ressaltou que o DNIT está avaliando a possibilidade de decretar emergência. Os custos para a obra também não foram divulgados.