Alto Vale, Política
Foto: Divulgação

Cláudia Pletcsh/DAV

O presidente da Câmara de Vereadores de Taió, William Henrique Noriller (PSD), falou em entrevista ao DAV sobre as principais ações que o Legislativo vem executando no município. Com uma grande renovação, nas eleições de 2020 os taioenses elegeram sete novos nomes, agora os novos vereadores passam por um período de adaptação e acompanham o regimento interno para que todos os projetos e ações sigam os procedimentos legais.

William Henrique Noriller, explica que os trabalhos foram iniciados no dia 4 de janeiro e o objetivo dos nove legisladores era a organização interna para que as sessões iniciassem já no dia 18. Desde então o presidente reforça que foram realizadas duas sessões ordinárias e duas extraordinárias para apreciação de projetos. “Temos uma turma boa, vereadores que têm se mostrado bem favoráveis ao diálogo, todos bem participativos, o vice-presidente que é o meu colega de bancada, o Ricardo Oenning (Kakay), tem acompanhado de perto também, sido muito presente aqui nos trabalhos administrativos da Câmara”, avalia.

Sobre as fiscalizações William revela que até o momento os pedidos são relacionados a melhorias nas estradas e garante que os anseios da população já foram levados ao Executivo. “Taió tem mais de mil quilômetros de estrada de chão, é uma malha viária extensa para fazer manutenção e com tantos dias de chuva as estradas ficam danificadas, e claro já foi conversado com o Executivo, com a Secretaria de Obras e assim que o tempo melhorar e for possível retirar material das pedreiras, os reparos e melhorias serão feitos”, comenta.

Questionado sobre apresentação de propostas e projetos o presidente ressalta que nesse primeiro momento os vereadores têm se dedicado a analisar os projetos vindos do Executivo e que duas propostas já foram aprovadas. “Como é início de mandato é normal que haja demanda maior para projetos de organização do Executivo. Então os vereadores têm se dedicado a reuniões das comissões permanentes, para analisar os projetos que têm dado entrada, para serem apreciados. Nós já aprovamos duas propostas, a primeira foi a reposição salarial do serviço público municipal, que a data base é janeiro aqui em Taió, e a segunda proposta foi estabelecer o piso nacional aos Agentes Comunitários de Saúde. Outra medida é a busca por recursos, emendas parlamentares que possam ajudar o município em obras, ações e programas”, justifica.

Composição do Legislativo

Para a presidência da mesa diretora William Henrique Noriller (PSD) foi o escolhido, e na vice-presidência ficou Ricardo Oenning “Kakay” (PSD). O primeiro secretário é Aroldo Peicher Junior “Peixinho” (MDB), e a segunda secretária é Clarice Fonseca Longen (MDB).

Para a Comissão de Justiça e Redação, foi escolhido como presidente Aroldo Peicher Junior (MDB), como relator Flávio Molinari (MDB) e como secretário Edésio Fillagranna (PSDB).

Para a comissão de Finanças, Orçamento, Economia e Planejamento Ricardo Oenning “Kakay” (PSD) foi eleito presidente. Como relatora ficou Clarice Fonseca Longen (MDB) e o secretário é Joel Sandro Macoppi (PP).

Na Comissão de Obras e Serviços Públicos o presidente é Flávio Molinari (MDB) e o relator é Ricardo Oenning “Kakay” (PSD), como secretário está Eder Ceola (PODE).

A Comissão de Educação, Saúde, Ação Social, Direitos Humanos, Segurança Social, Defesa do Consumidor e Meio Ambiente é presidida por Clarice Fonseca Longen (MDB) e tem como relator Aroldo Peicher Junior (MDB) além da secretária Maria Zenaide Stringari (PSDB).